Um homem acabou decapitando outro em São Paulo. O crime acabou chocando o litoral de São Paulo e aconteceu na pequena cidade de Bertioga. Nesta segunda-feira, 27, o caso foi noticiado pelo portal de notícias G1. De acordo com a matéria publicada, o suspeito, que não teve o nome revelado, gravou um vídeo em que confessa o #Crime. No vídeo feito pela Polícia Civil do estado de São Paulo, o homem diz como o crime ocorreu. De acordo com ele, após assassinar o rival (a vítima também não teve o nome revelado), ele decidiu "passear" com a cabeça no mercado. Para esconder a cabeça, ele usou um saco preto. No entanto, como estava possesso, acabou sendo descoberto. Isso porque ele esfaqueou um dos clientes do tal mercado, como mostram câmeras de segurança.

Segundo o portal de notícias G1, o vídeo foi gravado pelo delegado José Aparecido Cardia.

Publicidade
Publicidade

O suspeito revela que matou o homem com uma faca, começando por uma região fatal o pescoço. Em seguida, dá detalhes de como tudo aconteceu. "Em homem que é ruim, tem que dar a facada no canto fatal", começou ele com o relato macabro."Dei uma e já arriou. Depois dei mais e matei”, continuou contando o homem, sem mostrar muita preocupação ou arrependimento com tudo o que aconteceu. A decapitação teria acontecido em uma praia da cidade de Bertioga. De acordo com o delegado do caso, o assassino confessa que usou apenas uma faca no crime.

No vídeo, o assassino disse que cortou todas as veias da vítima e que precisou bater com força, até que a cabeça do homem fosse completamente retirada do corpo. "Cortei tudinho", disse ele. Não se sabe se o homem tem algum tipo de problema mental, mas algumas pessoas acreditam que sim.

Publicidade

Após cortar a cabeça do homem, ele foi passear em um mercado da cidade e foi lá que a confusão aconteceu. Como esfaqueou o cliente, a polícia foi chamada e quis olhar o que ele carregava. Foi aí que todos se espantaram com o fato dele estar carregando uma cabeça. E você, o que faria caso visse uma cena como essa? Deixe seu comentário.