Um assassinato foi registrado, na manhã deste domingo (26), no bairro Mathias Velho, na cidade de Canoas, região metropolitana de Porto Alegre (RS). A vítima foi identificada pelas autoridades locais como Clarice dos Santos Fagundes, de apenas 4 anos. A acusada de ter cometido o #Crime foi identificada como Neila dos Santos Fagundes, de 30 anos. Para a polícia ela é a principal suspeita de ter assassinado a própria filha com um golpe de faca no coração.

Conforme informações da polícia, em um vídeo, a mulher confessou ser a autora do crime. Segundo informações repassadas pelo delegado Valeriano Garcia Neto, de Canoas, o pai da vítima havia saído de sua residência e, quando retornou, encontrou a filha com uma faca cravada em seu peito.

Publicidade
Publicidade

De imediato, o socorro foi acionado, a vítima foi socorrida e encaminhada às pressas em estado grave para uma unidade médica da cidade, mas acabou morrendo assim que deu entrada no hospital.

Veja o vídeo onde a mulher confessou com frieza o crime:

Ainda de acordo com o delegado, a acusada também foi encaminhada para a unidade médica, ficou sobre os cuidados médicos e sobre escolta de agentes da lei. Segundo o delegado, durante o seu depoimento ainda na unidade médica, a mulher não demonstrou nenhum arrependimento pelo crime.

Com frieza, ela disse apenas que cravou a faca no peito da filha. Segundo Neila, ela teve “uma queda espiritual”. De acordo com a acusada, ela sofre de transtorno. Porém, segundo o delgado, a mulher não apresentou nenhum laudo médico que comprove a sua versão.

A suspeita foi presa em flagrante e assim que receber alta hospitalar será encaminhada para a delegacia da cidade.

Publicidade

Conforme informações preliminares dos peritos, a vítima foi assassinada com apenas um golpe de faca. Ainda de acordo com os peritos, a arma usada para cometer o crime foi uma faca de cozinha de aproximadamente 15 centímetros, que foi apreendida pela polícia.

O pai da garotinha passou mal e teve que ser encaminhado para uma unidade médica, mas já recebeu alta. A pequena Clarice foi sepultada no domingo à tarde no Cemitério Municipal Santo Antônio. A polícia da cidade abriu um inquérito e o caso está sendo investigado. #Investigação Criminal #Casos de polícia