Um grave #Acidente envolvendo um kart foi registrado na tarde de domingo (19), no Kartódromo Internacional, na cidade de Anápolis, cerca de 55 quilômetros de Goiânia, em Goiás (GO). Na ocasião, uma garotinha de apenas 11 anos teve o seu couro cabeludo arrancado, após o mesmo ter enroscado no eixo do veículo. No entanto, a vítima teve o couro cabeludo reimplantado. Ela está internada em estado grave na UTI na cidade de Goiânia.

De acordo com informações repassadas por testemunhas, a família da vítima é moradora de Goiânia e se deslocou até Anápolis para que a menina corresse de kart pela primeira vez. Ainda de acordo com as testemunhas, a menina estava usando um capacete, mas sem a touca de proteção para prender o cabelo.

Publicidade
Publicidade

No decorrer do trajeto, devido ao cabelo longo, o mesmo enrolou nos eixos do veículo, vindo a arrancar o seu couro cabeludo.

Segundo informações, os próprios familiares da vítima foram que levaram a menina até o hospital municipal da cidade. Leonardo Driessen, diretor da unidade médica, informou que a criança deu entrada no hospital em estado grave e recebeu os primeiros atendimentos. Como o seu estado de saúde era bem delicado, a jovem foi transferida às presas para uma unidade médica na cidade de Goiânia, onde permanece internada em estado.

Ainda de acordo com Leonardo Driessen, inicialmente, os familiares da vítima não pegaram o couro cabeludo, diante desse fato, os mesmos tiveram que retornar até o kartódromo para pegar o couro cabeludo da menina. Conforme informações da mídia local, a garotinha passou por uma cirurgia para a implantação do tecido, em seguida, foi encaminhada para a UTI.

Publicidade

De acordo com a direção do hospital, a vítima vai passar por avaliações diárias para saber se ela está reagindo bem ao implante.

Conforme relatos de Victor Emanuel, secretário de Esportes da cidade, a família da vítima não tinha autorização para fazer uso da pista. Segundo Victor, devido à preclaridade do local, o mesmo está interditado desde 2016 para receber reparos. #Investigação Criminal #Casos de polícia