Essa semana foram divulgadas as imagens de um sequestro relâmpago em Rio Claro, no interior de São Paulo. O #Crime aconteceu na tarde segunda-feira (06) passada, mas somente agora as cenas foram mostradas. E revelam a tática dos bandidos para conseguir assaltar e levar a vítima. As gravações foram feitas pelo circuito externo de segurança de um estabelecimento e mostram o momento da abordagem.

É possível ver nas gravações o instante em que dois homens encapuzados, ambos vestidos com blusa de frio preta e calça jeans, seguram a mulher sob ameaça de uma arma. Os dois criminosos teriam esbarrado na traseira do veículo dirigido pela vítima, o que teria feito com que ela descesse do carro para ver o que tinha acontecido.

Publicidade
Publicidade

Foi nesse momento que os sequestradores, teriam feito com que ela entrasse em seu próprio carro, e a levassem.

Eles acabaram abandonando o veículo em que estavam no local do crime. Tudo acontece muito rapidamente e apesar dos protestos da mulher, ela é obrigada a ceder à ação dos bandidos uma vez que um deles estava armado, e apresentavam comportamento bastante agressivo. Essa não seria a primeira vez que os criminosos agem dessa maneira, o tipo de crime cometido dessa forma já é conhecido pelos moradores do município.

A vítima foi levada pelos dois homens e obrigada a dirigir até a casa onde seus pais moram. Lá os criminosos tiveram acesso à residência e roubaram diversos pertences da família. Dentre os vários objetos de valor, a dupla acabou levando o carro da vítima e outro carro que estava na garagem da casa.

Publicidade

O caso foi registrado na delegacia de polícia da região, e agora a polícia trabalha para tentar localizar os bandidos.

Para isso, será preciso descobrir a identidade dos dois criminosos. Nesse caso os agentes, tentarão descobrir as características dos mesmos através das imagens feitas pelas câmeras de segurança no local. Ao que tudo indica ninguém ficou ferido durante a ação, a família passa bem apesar do susto e dos danos materiais.

Veja o exato momento do crime:

#Casos de polícia