Um vídeo que circula nas redes sociais compilou várias cenas que mostram os momentos em que ladrões entram em ação de forma sorrateira. Sem usar qualquer tipo de arma ou ameaça, os meliantes furtam pertences que se encontram dentro dos veículos parados nos postos de gasolina para abastecer.

Na primeira situação, um bandido aproveita que a proprietária está distraída, falando com o frentista, e abre a porta do lado do passageiro. Os movimentos são lentos e cuidadosos para não despertar atenção. Assim que consegue “pescar” uma bolsa, o ladrão disfarça e sai caminhando normalmente, na maior cara de pau.

Na segunda situação o vídeo parece ter sido filmado em algum país onde os próprios motoristas têm o costume de manipular as bombas de combustíveis.

Publicidade
Publicidade

O larápio que está em um carro ao lado age rapidamente enquanto o motorista digita na máquina acoplada à bomba de gasolina. Depois, ele entra no veículo e acelera sem ser notado.

No terceiro trecho do vídeo, o criminoso quase não consegue seu objetivo, mas teve a frieza de esperar o momento certo para abrir a porta pelo lado do motorista e vasculhar o veiculo até subtrair a carteira da vítima, que estava sem visão da ação.

Na quarta cena o ladrão conta com a ajuda de um motociclista que o aguarda para a fuga tão logo ele consegue subtrair uma mochila. O frentista ou fingiu que não viu a movimentação ou realmente estava alheio enquanto mexia no orifício do carro por onde é feito o abastecimento.

E há na seleção de vídeos um quinto roubo. Desta vez o carro é levado. O bandido chega no posto, de bandeira Shell, na carona de uma motocicleta.

Publicidade

Ele corre, entra no carro e segundos depois dá a partida, arrancando do local. O comparsa também o acompanha na moto.

As cenas lamentáveis de flagrantes ainda contam com uma trilha sonora de suspense, destas que ajudam a impressionar até os mais tranquilos. De qualquer forma, o conteúdo serve de exemplo para os motoristas de que todo o cuidado é pouco para não facilitar a vida dos criminosos.

Assista:

#Crime #Casos de polícia