Uma festa de formatura se tornou notícia por causa de um beijo #lésbico. Tudo começou quando uma das formandas resolveu fazer uma homenagem a sua noiva que segundo ela foi uma das pessoas que mais a incentivou a cursar a faculdade. O vídeo com a homenagem se tornou viral e já teve centenas de milhares de compartilhamentos e visualizações.

De acordo com o portal de notícias online BOL, Larissa Kalieli fez uma performance em sua formatura e ao final dela beijou sua noiva Teresa Nadege. Segundo Larissa o beijo foi uma maneira de agradecer e homenagear sua noiva por todo o apoio recebido durante o período do curso de Nutrição, além de se tratar também de um protesto contra o preconceito.

Publicidade
Publicidade

Beijo lésbico em formatura foi um protesto contra o preconceito

A formatura de Larissa aconteceu no dia 11 de fevereiro na cidade de Mossoró localizada no Rio Grande do Norte. A festa foi feita no requintado Hotel Garbos, todos os formandos eram apresentados e desciam por uma escada, trajados elegantemente.

Contudo Larissa preparou uma coreografia junto com seu amigo, o professor de Educação Física Abraão Morais, eles dançaram juntos enquanto desciam a escada e para finalizar a apresentação uma bandeira #gay foi mostrada e a noiva da estudante subiu até ela, onde se beijaram e se abraçaram.

Repercussão do beijo

O que Larissa e Teresa não imaginavam era que o ato de agradecimento e preconceito iria ter uma repercussão tão grande. O vídeo viralizou e já teve mais de 430 mil visualizações, ela afirma que tem recebido muitas mensagens de ódio, porém a maioria dos comentários são de apoio.

Publicidade

Teresa e Larissa acreditam que a viralização do vídeo se deve ao grande preconceito que ainda existe na sociedade e que o beijo entre duas mulheres ainda incomoda muita gente.

Noivas há três anos

O casal está junto há sete anos e de acordo com elas as famílias e amigos de ambas sempre respeitaram a opção sexual delas. Há três anos elas ficaram noivas e assumiram o relacionamento, mesmo diante da possibilidade de sofrerem com o preconceito.

A maioria das pessoas afirmam que aceitam o relacionamento homossexual mas elas afirmam que mesmo assim ainda ouvem muito: "não tem nada contra lésbicas, mas não precisa ficar mostrando". Foi por isso que elas resolveram se beijar em público, pedindo o fim da #Homofobia.

Assista aqui o vídeo onde as mulheres se beijam: