Essa semana, um assaltante assustou duas funcionárias de uma lanchonete, em Florianópolis, Santa Catarina. O homem que estaria armado com uma faca rendeu as mulheres no estabelecimento para tentar roubar o local. Toda a ação do criminoso foi flagrada pelas câmeras do circuito interno de segurança da loja. As imagens do momento do assalto são assustadoras, uma vez que além de amedrontar as duas jovens, ele ainda as força a ter momentos íntimos com ele.

Segundo relatos das funcionárias, uma delas foi amarrada e trancada no banheiro da lanchonete sem as roupas, para que não pedisse por ajuda. Já a segunda moça foi ameaçada com uma faca a beijá-lo forçadamente.

Publicidade
Publicidade

As cenas mostram o momento exato em que o homem negro, de estatura mediana, usando bermuda, blusa e tênis pretos, empurra a jovem para um balcão e coloca a faca em seu abdome ameaçando acertá-la caso ela não cumprisse as ordens dadas por ele.

Logo em seguida ele é visto tentando beijar a funcionária que fica bastante assustada e tenta a qualquer custo se desvencilhar do homem. Tudo aconteceu no início da tarde, no bairro Coqueiros, no interior da ilha, na parte continental. Foram momentos de terror vividos pelas duas jovens que não conseguiram pedir ajuda até que o criminoso fosse embora do local, levando alguns objetos. Felizmente, apesar do susto, nenhuma delas se feriu gravemente, apesar da tortura psicológica pela qual tiveram que passar.

A polícia militar foi acionada e quando chegou o homem já não estava mais na lanchonete.

Publicidade

Dessa maneira um serviço de ronda foi realizado para tentar localizar o criminoso, que foi rapidamente identificado através das características passadas pelas vítimas. Isso porque, ele já é conhecido da polícia, ao todo em sua ficha criminal ele tem setenta e cinco passagens, algumas delas também por roubo. Foi a equipe tática de Rondas Ostensivas que conseguiu localizar o homem em meio à Praça XV no centro da cidade.

Reforços de motocicletas da Rocam, e da Guarnição de Policiamento de Trânsito também ajudaram na captura do suspeito, que acabou sendo preso no local e levado para a delegacia do município. A polícia civil não divulgou outros dados da investigação e nem a data da prisão, mas ao que parece o homem segue preso e deve aguardar decisão judicial em regime fechado. Não foi informado também a quantia levada pelo homem durante o assalto ao estabelecimento, e se algum outro objeto de valor foi roubado do local.

#Crime #Casos de polícia