Após a divulgação dos suicídios de adolescentes devido à participação no jogo mortal chamado de Baleia Azul, que virou um dos assuntos mais comentados por internautas do mundo inteiro, surgiu um boato que se espalhou pelo #Brasil, onde um suposto menino pedia desculpas às famílias, mas dizia que, para cumprir um dos desafios do jogo, teria que envenenar 30 crianças oferecendo balas envenenadas. O texto foi replicado milhares de vezes no Facebook e Whatsapp e muitas prefeituras precisaram, inclusive, divulgar notas na imprensa desmentindo e acalmando a população.

Infelizmente, na tarde desta quarta feira (26), duas crianças foram internadas em um hospital por terem ingerido balas alteradas com o agrotóxico aldicarbe, popularmente conhecido come chumbinho, usado irregularmente para matar ratos.

Publicidade
Publicidade

O caso aconteceu no bairro Jardim Oriente, na cidade de Monte Carmelo, no Alto Parnaíba, no Estado de Minas Gerais.

As vítimas são dois irmãos, um com 3 e o outro com 8 anos. Os policiais que atenderam a ocorrência relataram que os irmãos brincavam na rua próxima a sua residência e encontraram várias balas pelo chão. Disseram também que o local é bem movimentado e que muitas crianças costumam brincar por ali.

O caso está sendo tratado como tentativa de homicídio, mas ainda não têm suspeita de quem teria deixado as balas no local. “Perto da residência desta família tem uma estrada de chão batido que faz caminho para outros bairros. Esse caminho tem grande circulação de pessoas, e as crianças costumam brincar perto de suas casas. A equipe chegou a encontrar algumas balas caídas pelo chão, mas infelizmente os irmãos já tinham comido algumas”, disse o comandando da Polícia Militar da cidade, major Marcos Vinícius Lima.

Publicidade

Ao notarem que os filhos não estavam bem, os pais os encaminharam ao hospital, onde foi contatada a ingestão do veneno chumbinho. A polícia foi comunicada para começar a investigação.

Shirlan José Mendes, diretor do Pronto Socorro de Monte Carmelo, informou à imprensa que o menino de 8 anos esta em estado estável e permanece no hospital da cidade. Já o menor, de 3 anos, foi transferido para o Hospital da Universidade Federal de Uberlândia, onde foi internado no CTI (centro de tratamento intensivo).

Ainda é cedo para dizer que o crime ocorreu em decorrência do jogo Baleia Azul, mas na internet pessoas já comentam que a circulação do boato pode ter gerado a ideia em uma mente criminosa e cheia de maldade. #MonteCarmelo #BalasEnvenenadas