Imagine a cena. Um tarado em plena luz do dia, em plena via pública, satisfazendo seus desejos sexuais em um carro. Isso mesmo um carro!

Foi o que aconteceu em uma cidade de Rondônia, chamada Jaru. O homem foi flagrado por um popular, que resolveu divulgar as cenas nas redes sociais.

“Tá gostoso aí? Gozou?”, pergunta em tom de sarro o cinegrafista amador que usa um aparelho celular para registrar o momento.

Pelas imagens é possível ver que ele o homem usa o escapamento de um Chevrolett, modelo Celta, de cor preta, para copular. Assim que percebe que foi descoberto, ela se levanta, fecha a braguilha da bermuda e sai andando.

Publicidade
Publicidade

Não é a primeira vez que isso acontece. O homem, que provavelmente tem problemas mentais, também já foi flagrado fazendo a mesma coisa com um Volkswagen, modelo Gol, de cor prata. A atitude é a mesma nos dois casos: se agacha e manda ver no escapamento.

Ambos os vídeos têm mais de dois anos e voltaram a circular recentemente nas redes sociais.

Claro que a fama homem correu. Ele passou a ser chamado de ‘o tarado do carro’. Mas não há informações sobre a sua identidade. As pessoas gostam de brincar com a situação, dizendo que o rapaz tem preferência por carros populares, pois nunca foi visto fazendo sexo com carros de luxo.

Em 2015, na cidade mineira de Boa Esperança, um outro vídeo também andou circulando com conteúdo semelhante. A diferença é que o homem que tratava o carro como parceira sexual não usava o escapamento.

Publicidade

Ele foi flagrado de madrugada, nu da cintura para baixo, fazendo movimentos sexuais no capô do carro.

As cenas foram captadas pela câmera de segurança de uma casa bem próxima ao local onde estava estacionado o veículo. O dono ficou muito surpreso quando viu as imagens e disse que jamais poderia supor que seu carro pudesse ser “estuprado”, digamos assim.

Brincadeiras à parte, esse tipo de fixação sexual por máquinas como carros e robôs tem nome. É mecanofilia. E esse não é o único tipo de fetiche por coisas bizarras que existe. Quem tem atração sexual por árvores e plantas é acometido por Dentrofilia, por exemplo.

#Crime #Casos de polícia