Um homem de 30 anos foi detido pela polícia transportando em uma bicicleta um caixão com os restos mortais do irmão, falecido há cerca de um ano. O caso aconteceu na noite desse domingo, 28 de maio, no município de Prata, no triângulo mineiro.

O tenente Rodnei Lucindo disse que a Polícia Militar (PM) foi chamada por volta das 19h em uma rua próxima ao cemitério do município. Foi informado à PM que uma pessoa estava carregando um caixão em uma bicicleta. Diante dessas informações, os militares foram para o local. e encontraram um homem com aparente desequilíbrio emocional.

Segundo a polícia, o detido estava muito agitado e que o mesmo desenterrou o corpo do irmão porque sentia muita saudade do falecido.

Publicidade
Publicidade

Também foi informado que ele reagiu com violência diante da abordagem policia. Segundo os militares, ele aparentava ter feito uso de drogas, pois estava transtornado.

Testemunhas disseram aos policiais que o homem vem apresentando transtornos psicológicos após a #Morte do familiar. Aos policiais, ele disse que sonhou com o irmão pedindo para andar de bicicleta e esperou o momento do cemitério fechar para invadir o local e violar o túmulo. Após ele retirar o caixão do jazigo, iniciou o passeio com muita naturalidade.

Uma funerária precisou ser chamada e compareceu ao local para recolher o caixão, que foi levado de volta para o cemitério da cidade. O fato #Bizarro ganhou grande repercussão nas redes sociais.

O homem foi preso, mas acabou liberado com base em que os crimes de vilipêndio e violação de cadáver possuem menor potencial ofensivo.

Publicidade

Ele deve se apresentar em uma delegacia da região para prestar esclarecimentos ainda nesta semana.

Um fato que chamou atenção foi que, no momento da abordagem da policia, o homem insistia em dizer que não estava andando com um caixão, mas com o irmão dele. Em nenhum momento, ele parecia estar consciente que estava com o caixão pelas ruas da cidade. As fotos divulgadas pela polícia mostram a bicicleta usada no ato e o caixão que foi violado.

A dor da perda e outros motivos podem ter levado a esse ato de desespero. Quem perde um parente próximo pode imaginar a saudade sentida por esse homem, que há um ano sofre com a perda do seu querido irmão; mas essa notícia deixou muita gente espantada. Qual sua opinião sobre esse caso? Não deixe de comentar, pois seu comentário é de grande importância para debater esse inusitado acontecimento em Minas Gerais. #Curiosidades