O pastor Valdemiro Santiago é um dos nomes mais conhecidos do país. O religioso é líder da Igreja Mundial do Reino de Deus e, assim como os demais segmentos, o da #Religião também enfrenta os seus percalços. Por isso, nada melhor do que a fé para tentar mudar essa situação.

De acordo com informações do colunista Ricardo Feltrin, em reportagem publicada pelo UOL neste domingo (21), Valdemiro polemizou quando, recentemente, pediu que os fiéis fizessem um esforço e dessem doações de R$ 1 mil cada. Inicialmente, o pastor chegou a passar uma conta do Banco do Brasil para que as doações sejam efetuadas, mas isso tem mudado.

Valdemiro Santiago diz que não confia muito em banco e solicita para que os fiéis façam o pagamento na própria igreja, em espécie.

Publicidade
Publicidade

Com notas de R$ 50, R$ 100 e outros valores, eles devem levar o montante com um único objetivo, manter os cultos da Igreja Mundial do Reino de Deus no ar.

A denominação religiosa pede aos fiéis que se interessem uma ajuda para pagar por toda a operação dos cultos religiosos. Com isso, eles querem, por exemplo, que doações sejam feitas para ajudar na RCI. Essa é a emissora que transmite os cultos da igreja evangélica por canal UHF e também pelos canais de assinatura a cabo. O pastor calcula os gastos mensais dos cultos na TV em R$ 8 milhões.

“Não depositem em caixa eletrônico”, pregou Valdemiro, sorrindo. “Porque banco… banco não respeita as leis do país”, completou, mas sem explicar o que estava insinuando. A informação foi confirmada pelo colunista Ricardo Feltrin, do UOL. Mesmo aos que doam a quantia de R$ 1 mil todos os meses, o pastor Valdemiro Santiago não retirou a obrigação dos outros atos dos fiéis.

Publicidade

Ele contou, por exemplo, que os religiosos que frequentam sua igreja precisam também pagar o dízimo. Geralmente, a quantia corresponde a 10% do salário da pessoa. Quem recebe R$ 3.000 mil por mês, por exemplo, precisa de R$ 300 para arcar com a pendência da igreja.

Não é a primeira igreja que realiza esse tipo de função. Muito pelo contrário. Diversas denominações religiosas fazem o mesmo. O pastor Agenor Duque, por exemplo, solicitou, recentemente, que pelo menos três mil de seus fiéis fizessem doações de R$ 1 mil. A quantia é a mesma pedida por Valdemiro Santiago.

Aparentemente, a ideia do pedido foi uma cópia de alguém que, no passado, caminhava lado a lado do líder da Igreja Mundial do Reino de Deus. Os dois se separaram na década de 1990.

E você, o que pensa do pedido de Valdemiro? Deixe o seu comentário. Ele é sempre importante e ajuda no diálogo. #ValdemiroSantiago #IgrejaMundialDoReinoDeDeus