A corrida por um cobiçado título de beleza já começou no Rio Grande do Sul. É o Miss Turismo #2017, que tem etapa final de 02 a 04 de Junho. Os municípios gaúchos tem até o dia 26 de maio para apresentarem suas candidatas. E a etapa final acontece em Santo Ângelo, município localizado no Noroeste do RS.

O concurso é promovido pela missóloga Geny Rayo, e tem parceria com a jornalista e produtora de eventos Edna Lautert, coordenadora regional do certame, e do empresário Irajá Couto, da ArtPlan Eventos, que coordena a parte de infraestrutura. A etapa final acontece no Clube Gaúcho, um dos locais mais tradicionais do interior do Estado.

Publicidade
Publicidade

Candidatas podem inscrever-se nas seguintes categorias: mini-miss, de 04 a 06 anos; Miss Infantil, de 07 a 10 anos; Miss Teen, de 11 a 13 anos; Miss Juvenil, de 14 a 16 anos; Miss Turismo, de 17 a 24 anos e Miss Turismo Maturidade, acima de 50 anos. Só vale uma candidata por categoria para cada município – e somente Rio Grande do Sul.

A programação inclui carreata, dia 2 de junho, e jantar típico de integração, no GDF Os Farroupilhas. Para esta data cada candidata deve apresentar-se com um traje típico de sua cidade. No sábado, 3, as candidatas terão a manhã de ensaios e a tarde livre para se preparar para a final do concurso, que acontece a noite, quando elas desfilam em traje de gala. A finalíssima do certame terá transmissão ao vivo pela internet.

O Miss Turismo Rio Grande do Sul 2017 tem a parceria da Prefeitura de Santo Ângelo, através da Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer; e do Clube Gaúcho.

Publicidade

E patrocínio do Universitário, de Porto Alegre, e Revista Brasil Business, de Santo Ângelo.

A candidata e a anfitriã

Luana Dupont, uma jovem de 17 anos, estudante da Escola da URI, em Santo Ângelo, vive um momento especial: com o coração a mil, ela sabe que mais que ser uma das candidatas do município sede do evento, precisa portar-se como anfitriã. Ela diz estar preparada para viver o momento, acreditando nas amizades que dele possam surgir, e que o mais importante do concurso está nas relações interpessoais que se concretizam a partir da conversa entre candidatas.

Longe de ser apenas um concurso de beleza, o Miss Turismo RS 2017 reúne conhecimento, história e a memória cultural de um povo.

Clima de despedida

A Miss Turismo RS 2016, Danielli Martins Sanderi é de Passo Fundo. Ela vai passar a faixa e a coroa para sua sucessora no certame, mas não vai ficar triste não. Tudo isso porque ela acaba de ser coroada a Miss Turismo Brasil 2017, e vai representar o país em concurso internacional. #BBB Big Brother Brasil