A violência em nosso país não para de crescer. Dia após dia ouvimos e presenciamos casos inacreditáveis, chegamos até pensar que estamos vivendo o fim dos tempos, já que essa violência tem percorrido até mesmo entre os próprios membros de diversas famílias.

Nesta terça-feira (23), um caso chocou a cidade de Manaus, no Amazonas. Um homem que não teve a identificação revelada foi espancado após tentar assaltar uma residência no bairro Prosamim da Glória, Zona Sul de Manaus.

Segundo informações da polícia, o homem estava na companhia de mais outros dois quando tentou invadir a residência de um antigo morador do local para realizar o #roubo de uma motocicleta.

Publicidade
Publicidade

A vítima que também não quis se identificar, relatou que no momento do ocorrido, ele estava com o seu filho de apenas seis anos de idade no colo e que ficou em choque, temendo que a criança pudesse sofrer algum dano.

A polícia divulgou no boletim, que um dos assaltantes usou uma arma de pequeno calibre e teria atirado três vezes contra a vítima, mas a arma teria falhado às três vezes. No momento que a vítima detectou que a arma do assaltante não estava funcionando, ele começou a gritar e pedir por socorro a fim de que alguém pudesse ouvi-lo e trouxesse socorro.

Populares ouviram os pedidos da vítima e perceberam que o mesmo estava sendo vítima de um #assalto. De imediato os populares se reuniram e adentraram na casa da vítima e juntos conseguiram deter um dos assaltantes. Eles começaram a agredi-lo, deixando-o imobilizado até a chegada da equipe da polícia militar.

Publicidade

A polícia ainda informou que ao chegar ao local, o assaltante estava jogado no chão e desacordado. Os policiais acionaram o auxilio do Serviço de Atendimento Móvel (Samu), para que encaminhasse o criminoso para uma unidade de saúde a fim de receber socorro de urgência.

O assaltante foi atendido no Hospital Pronto Socorro João Lúcio, localizado na Zona Leste do município.

O dono da propriedade informou à polícia que os outros dois participantes do assalto conseguiram evadir do local quando perceberam a presença dos populares.

A polícia vai coletar informações das testemunhas para tentar capturar os outros dois assaltantes, que segundo informações fazem parte de uma quadrilha especializada em assaltos a ônibus e roubo de veículos.

Nas redes sociais, a notícia foi compartilhada por centenas de pessoas, que apoiam a atitude dos populares em ajudar na captura do assaltante. #Espancamento