Maria Fátima de Carvalho Longuine e Wellington Louguine faleceram em um gravíssimo acidente, que aconteceu em uma rodovia localizada no estado do Paraná. O acidente de carro, segundo informações do site 'Globo #Esporte.com' aconteceu na noite desta segunda-feira, 2. Maria é mãe e Wellington, pai do jogador Rafael Longuine, atleta do Santos, time do estado de São Paulo. Uma tia do esportista também estava no veículo e acabou também vindo a falecer, como confirmou a Polícia Rodoviária Federal. O pai do atleta dirigia um carro de passeio, quando um caminhão entrou na pista contrária e o atingiu

O caminhão que vinha na direção contrária estava cheio de madeira e invadiu a pista onde estava o carro da família do jogador.

Publicidade
Publicidade

O condutor do caminhão de madeira também acabou falecendo no local. O santos, assim que ficou sabendo da triste notícia, liberou o jogador de suas funções no time. Ele teria confirmado à triste notícia aos colegas através de um grupo do Whatsapp. "Meus sentimentos a todos os familiares. Que Nossa Senhora Aparecida de forças aos familiares das vítimas. Que Nosso Senhor Jesus Cristo conforte os seus corações", disse um internauta ao comentar a triste notícia envolvendo o jogador, que vinha em uma boa fase no clube que um dia já teve nomes como do jogador Neymar, que agora joga no Barcelona, da Espanha.

Até mesmo torcedores de outros times usaram as redes sociais para mostrar solidariedade diante da triste perda. "Que Deus ilumine a sua vida e conforte o seu coração. Força Rafael Longuine!", disse um torcedor do São Paulo usando o site que noticiou o caso.

Publicidade

Fotos da tragédia acabaram sendo compartilhadas na internet e muita gente viu isso como pesar. O jogador perde pai e mãe aos vinte e seis anos. Os corpos dos parentes do atleta foram levados para o Instituto Médico Legal (IML) da região, e, posteriormente, liberado.

Já a funerária que vai tratar e receber os corpos não deu detalhes sobre como funcionará o velório e se os pais de Rafael Longuine seriam enterrados ou cremados. O próprio jogador também não falou ainda sobre essa triste notícia, que, certamente, ele não esquecerá tão cedo em sua vida.

Infelizmente, acidentes desse tipo são comuns nas rodovias brasileiras, especialmente envolvendo caminhões. Muitas vezes, os caminhoneiros tem rotinas exaustivas e, afim de entregarem tudo no prazo, esquecem-se que são humanos e deixam até mesmo de dormir. #Morte