O drama das vítimas do jogo Baleia Azul parece ainda não ter tido um fim. Com a divulgação das mortes causadas pelo game suicida, muitos brasileiros ficaram preocupados com a propagação dos desafios online criados por uma mente "macabra". Divulgado intensamente na imprensa, jornalistas da TV Record decidiram agir e investigar a vida de uma pessoa que é responsável por administrar o jogo no #Brasil.

De acordo com o site Observatório da Televisão, do site UOL, o Jornal da Record começou a exibir desde ontem, dia 31 de maio, uma série de reportagens exclusivas sobre detalhes de como o game é executado. A equipe do jornalístico conseguiu inserir um de seus repórteres investigativos na frente de um dos curadores do #Baleia Azul.

Publicidade
Publicidade

O game consiste em 50 desafios que são propostos à vítima, que inclui suportar tortura psicológica e até mesmo autoflagelação.

De acordo com informações do site, a equipe do "Jornal da Record" levou meses atrás do suposto criminoso que ajuda a administrar o jogo no país. Após identificar um método de entrar no "olho" do dia a dia do rapaz, o Núcleo de Reportagens Investigativas da TV Record colocou seu plano em ação.

Com uso de câmeras escondidas e microfones, um dos repórteres fingiu ser uma pessoa interessada em participar do jogo e cumprir os 50 desafios do Baleia Azul. Após simular que estaria seguindo as ordens do moderador do jogo, a equipe do jornal conseguiu encontrá-lo uma vez por dia, gravando as suas falas e imagens.

O site informou ainda que foi registrada uma suposta conversa em que o moradorador diz à futura vítima como se comportar e dá instruções para seguir.

Publicidade

O Jornal da Record é exibido de segunda a sexta, a partir das 21h45 e as gravações estão sendo reveladas em cinco episódios da série "Suicídio - alerta aos jovens".

Além de passar a gravação reveladora, o jornal promete dar instruções aos pais para que conversem com seus filhos e observem seu comportamento para que não cheguem a esse ponto.

Pela internet, telespectadores se disseram revoltados com a popularidade do jogo.

"É inadmissível que um bandido desses fique solto. Eles são monstros que abusam de fraquezas naturais dos jovens", alertou uma leitora do site R7.

Depressão e suicídio

Médicos de todo o mundo alertam que a depressão é uma das principais causas do suicídio entre jovens. Esta é uma doença psíquica séria e se não tratada pode ter consequências terríveis.

O aconselhamento é indispensável para quem se sente transtornado em qualquer sentido. Não deixe de procurar ajuda. #Crime