A senadora #Gleisi Hoffmann (PT- Paraná) tem confidenciado a amigos e a auxiliares mais próximos estar arrependida de assumir a presidência do partido. A parlamentar teria exposto o sentimento a colegas, de acordo com a coluna Radar On-Line, do site da revista Veja.

A senadora concorreu ao cargo e venceu com mais de 60% dos votos no Congresso Nacional do partido, em Brasília, dia 3 de junho. Ela recebeu 367 dos 593 votos possíveis, enquanto seu corrente, o também senador pelo estado do Rio de Janeiro Lindebergh Farias, recebeu 226 votos.

Gleisi assumiu o cargo com o maior entusiasmo, prometendo trabalho puxado e esforços redobrados para superar todas as dificuldades que rodam a sigla – e muitos dos seus filiados.

Publicidade
Publicidade

Ela é a primeira mulher a presidir o partido.

Nova presidente não tem vez nem voz?

Soou estranho a nova presidente descobrir que, apesar de integrar as fileiras petistas há tantos anos – está filiada na sigla desde 1989 -, quem manda e desmanda é o ex-presidente Lula. A opinião do ex-presidente são ordens e devem ser cumpridas à risca. Não à toa a candidatura de Gleisi Hoffmann foi imposta por Lula, contrariando o desejo da maioria dos filiados.

Gleisi Hoffmann foi ministra da Casa Civil no governo Dilma Rousseff entre 2011 e 2014. É casada com Paulo Bernardo, ex-ministro do Planejamento, réu no STF pelos crimes de corrupção, organização criminosa e lavagem de dinheiro e supostamente por ter recebido R$ 1 milhão em propinas, oriundos de contratos da Petrobras. Gleisi também já foi candidata a governadora do Paraná nas eleições de 2014, mas foi derrotada.

Publicidade

Operação Lava Jato

Tanto Gleisi quanto Lula estão presentes na lista da Operação Lava Jato. Ela deve ser julgada até o final do ano e foi indiciada em 2016 pela Polícia Federal por corrupção passiva.

Gleisi chegou até a acusar recentemente o juiz Sergio Moro e o Procurador Geral da Republica, #Deltan Dallagnol, de estarem em conluio para prejudicar o povo brasileiro.

Quem é a presidente nacional do PT

Gleisi Helena Hoffmann tem origem alemã e recebeu este nome em homenagem a Grace Kelly. Nasceu no dia 6 de setembro de 1965 na cidade de Curitiba, no Paraná. Viveu sua infância na Vila Lindoia, na capital, e naquela época pensava em se tornar freira.

É advogada, senadora e presidente nacional do PT. Antes de assumir a presidência da sigla, era líder do partido no Senado, mas abdicou do cargo para exercer a nova função.

Em 2016, Gleisi presidiu a Comissão de Assuntos Econômicos do Senado. #Partido dos Trabalhadores