Pouca gente sabe, mas na última segunda-feira (26) foi comemorado o Dia Internacional de Combate às #drogas. Data importantíssima estabelecido pela Organização das Nações Unidas (ONU),para a conscientização do combate ao vício e repressão ao tráfico.

Geralmente, diversas ONG's, com o auxílio da polícia, organizam uma série de eventos em diversas cidades do país, onde palestras são administradas nos mais diversos lugares, principalmente em escolas, para esclarecer desde cedo sobre os perigos que envolvem o uso de entorpecentes.

Medidas como essa tendem a evitar que crianças e jovens caiam nesse mundo obscuro, e na maioria das vezes, sem volta! Dados alarmantes divulgados pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) apontam que ao menos 28 milhões de pessoas no Brasil possuem algum familiar que é dependente químico.

Publicidade
Publicidade

Números como esse, além de assustar, ilustram perfeitamente o drama que milhões de brasileiros vivem diariamente ao conviver com um viciado. Só quem tem ou já teve algum parente ou amigo viciado em drogas sabe o quanto é triste, degradante e desgastante essa situação é.

A droga não destrói apenas os planos e sonhos que o dependente um dia desejou conquistar. Ela destrói qualquer tipo de orgulho, honra, humanidade e principalmente dignidade.

Infelizmente, hoje em dia é mais do que comum a aparição de casos de violência relacionado ao uso de drogas. Muitos crimes ocorrem diariamente por conta disso.

Mas não é apenas ao próximo que o viciado prejudica. Essas pessoas prejudicam, acima de tudo, a si mesmas. Como geralmente elas perdem qualquer noção do que deve ou não ser feito, elas embarcam facilmente em qualquer ‘’parada’’ para sustentar o vício.

Publicidade

Mesmo que elas sejam as mais repugnantes.

Um vídeo que está circulando pelo WhatsApp ilustra muito bem toda essa degradação moral que o vício é capaz de fazer com o ser humano. Em busca de drogas, e sem dinheiro para comprá-las, um rapaz foi desafiado por um grupo de traficantes do Complexo da Maré, no Rio de Janeiro, a comer fezes de cachorro em troca de R$ 20.

Visivelmente descontrolado por causa da abstinência, o dependente aceitou prontamente a proposta. No vídeo, gravado durante o dia numa das principais ruas da comunidade, é possível ver o rapaz recolhendo um pedaço de fezes do chão e colocando na boca.

Sob ameaças de levar uma surra, o dependente mastiga e engole o dejeto. O vídeo termina com comemorações por parte dos traficantes ao presenciarem a cena para lá de humilhante.

Assista!

#Polêmica #Chocante