Uma informação envolvendo Suzane Von Richthofen, a presa mais conhecida do Brasil, está revoltando muita gente. A presidiária, que costuma passar os seus dias em Tremembé, no estado de São Paulo, vive verdadeiros dias de celebridade. Suzane nunca gravou uma música, fez uma novela ou participou do 'Big Brother Brasil'. No entanto, mesmo assim, ela acaba virando famosa. Por onde quer que ela passe, alguém reconhece a prisioneira, que já deu entrevistas para programas como o 'Fantástico' e para o apresentador Augusto Liberato, o Gugu. A fama de Richthofen veio por um motivo tenso e abominável. Ela mandou matar os próprios pais. Aos 32 anos e após vários anos do #Crime, Suzane tem o benefício das saidinhas da cadeia em alguns feriados e não passa desapercebida das ruas.

Publicidade
Publicidade

Suzane é amada por fãs nas ruas

Para quem achava que a presa seria hostilizada nas ruas, enganou-se, e muito. O povo quer mesmo é aparecer ao seu lado, mesmo sabendo que sua fama veio pelos motivos, no mínimo, errados. De acordo com informações da jornalista Keila Jimenez, em matéria publicada nesta sexta-feira, 2, Suzane virou uma celebridade por cidades onde passa. A jornalista cita Angatuva e Itapeva, duas cidades do interior de São Paulo. Os moradores dessas regiões estariam até mesmo pedindo autógrafos para Richthofen. Ela não é do tipo de famosa que diz não. Pelo contrário, sorri para todo mundo e gosta de ter o calor do público, que conhece o seu passado, de assassina.

Condenada a 39 anos de prisão por matar os pais, Suzane acaba de ficar noiva de Rogério Olberg, 37, irmão de uma detenta, que acabou se encantando por ela em uma das visitas à irmã.

Publicidade

Mesmo sabendo do passado da detenta, Rogério não se preocupou e deixou o amor falar mais alto.

Moradores tiram selfies e internautas se revoltam

Suzane é mesmo uma mulher de causar comoção e dividir opiniões. O namorado dela tem uma empresa de carretos e, por onde quer que ela passe, acaba sendo reconhecida. Alguns moradores fazem selfies no meio da rua e tem até aqueles que só fotografam a presidiária e, mais tarde, colocam tudo na internet. Richthofen tem se cuidado mais para aparecer nas fotos. Ela anda com roupas modernas e óculos escuros. Enquanto alguns moradores parecem amar a presa, outros se revoltaram e até usaram as redes sociais. Há quem critique o que viu nas ruas. Uma internauta garante, por exemplo, que Suzane estaria dando até autógrafos para alguns interessados.

Já imaginou se a moda pega? Deixe o seu comentário.