O Baleia Azul é um dos jogos que tem dado o que falar na internet e também causado muita dor de cabeça e preocupação aos pais de adolescentes no mundo inteiro. Mas do que se trata o desafio misterioso? De inocente, o jogo não tem nada. Segundo autoridades policiais, foi descoberto recentemente que a intenção do Baleia Azul é causar perturbações mentais em pessoas sensíveis e com depressão.

Por conta dele, um número significativo de adolescentes chegou a cometer suicídio e outros a cogitar o ato, ameaçados pelos incentivadores e curadores do game on-line. Após uma busca incessante, autoridades policiais e da Justiça prenderam mais um dos responsáveis pela propagação dessa verdadeira praga pelo planeta por meio da internet.

Publicidade
Publicidade

De acordo com uma reportagem do programa “Cidade Alerta”, da RecordTV, foi preso recentemente um dos curadores no Brasil. O caso aconteceu na cidade de Belém, capital do estado do Pará. Tudo foi revelado quando a mãe de uma menina percebeu que sua filha estava sendo ameaçada por um dos curadores do jogo. Sem perder tempo, a mãe conseguiu acessar o computador da filha e encontrar a identidade do criminoso rapidamente, informando à polícia.

A mãe responsável pela prisão do rapaz não pôde ter seu nome revelado para garantir maior segurança. Ela notou que algo havia de errado ao perceber que a filha tinha machucados incomuns pelo corpo, que não eram resultado de brincadeiras. Ao lembrar dos alertas espalhados pelas autoridades e imprensa sobre os riscos do #Baleia Azul e como identificar um possível jogador, ela ficou alerta.

Publicidade

“Se entrar no jogo, não vai poder sair mais”, disse o homem para a jovem em uma das conversas. Até mesmo em novelas da Globo o caso já chegou a ser abordado, como é possível ver em “A Força do Querer”, escrita pela Glória Perez.

Quem era o suspeito?

O jovem que comandava o Baleia Azul e ameaça a garota chama-se Jardson Catanhede Amorim , de 19 anos de idade. Estudante, o rapaz fazia uso de uma identidade falsa para não ser identificado. Em diversos momentos da conversa, ele induz a pessoa a cometer suicídio.

As vítimas não eram apenas brasileiras e o alcance dele era até para adolescentes de outros países. Até mesmo uma conversa com uma jovem portuguesa foi identificada, na qual ele tenta a convencer a se matar.

Essa é a primeira vez que um acusado de cometer esse tipo de jogo na internet é preso no Brasil. Para a Polícia Civil do Pará, existem provas fartas e um depoimento de uma vítima. Jardson Amorim vai responder a inquérito policial por induzir, instigar e auxiliar suicídio. Esse tipo de #Crime tem pena prevista de um a três anos de prisão no caso de a vítima ter sofrido lesão corporal, e dois a seis anos se a pessoa cometeu o suicídio.

Publicidade

Alerta

A depressão é algo sério e deve ser tratado assim que identificado os primeiros sintomas. Vigie pessoas próximas e sempre as acolhas, dando o cuidado necessário para que não cheguem a atitudes impensadas e extremas.

Pessoas com problemas podem procurar o Centro de Valorização da Vida (CVV) como um ponto de acolhimento e alívio para quem está sofrendo. O contato com um dos agentes do programa é feito gratuitamente pelo telefone 141. #cadeia