Recentemente, um crime acabou chamando a atenção de todo o Brasil. Um menor de idade, que seria viciado em drogas, acabou sendo vítima de uma tatuagem na testa. A frase "Sou Ladrão, sou vacilão" foi feita por um tatuador do grande ABC, em São Paulo. O tatuador, identificado como Maycon Wesley Carvalho dos Reis, de 27 anos, acabou sendo preso pelo #Crime. Inicialmente, as acusações contra ele foram relativas à tortura, mas atualmente o Ministério Público denuncia o tatuador por uma série de crimes, como cárcere privado. Mas afinal, o que aconteceu com o tatuador que fez a polêmica frase na testa do jovem em São Paulo?

Tatuador da frase 'Sou Ladrão, Sou Vacilão' em menor tem pedido de liberdade negado

O profissional que fez o ato no jovem diz que o menino teria roubado a bicicleta de um deficiente físico e que, por isso, tomou tal atitude.

Publicidade
Publicidade

Atualmente, Wesley, que também é conhecido como Tato Reys, está preso em Tremembé, na grande São Paulo. Ele está no mesmo complexo penitenciária de nomes como Suzane Von Richthofen e vive momentos verdadeiramente assustadores. Neste sábado (8), o portal de notícias R7 acabou dando uma atualização sobre o caso e acabou surpreendendo muita gente. O Tribunal de Justiça de São Paulo recebeu um pedido dos advogados do tatuador, que queriam que ele fosse julgado em liberdade. Apesar das iniciativas, não deu certo e o pedido acabou sendo negado. Com isso, Maycon Wesley Carvalho dos Reis deve continuar preso, sem qualquer previsão de liberdade.

Pedreiro que a ajudou tatuador a fazer frase na testa de jovem também continua preso

Além do tatuador, quem também continua preso é Ronildo Moreira de Araújo, de 29 anos.

Publicidade

Ele ajudou o profissional a fazer o ato que chocou muita gente. Ronildo trabalha como pedreiro e ele foi o responsável por acabar filmando o ato. O vídeo que mostra o jovem sendo tatuado na testa com a frase 'Sou Ladrão, Sou Vacilão' viralizou na internet e acabou servindo como provas contra os acusados. Eles podem ficar até 8 anos na prisão por conta do ato. O jovem que sofreu a tortura no vídeo negou que tivesse roubado qualquer bicicleta, mas confessou que tinha problemas com drogas.

Após 'Sou ladrão, sou Vacilão', jovem tatuado na testa tenta recomeço

Após passar pelos momentos difíceis, o jovem acabou sendo levado para uma clínica de reabilitação. Além disso, ele está passando por um tratamento estético para retirar a polêmica frase de sua testa. #Investigação Criminal