Publicidade
Publicidade

Uma tragédia familiar. Foi isso o que aconteceu na vida da estudante de Ciências Sociais Bruna Andressa Borges [VIDEO], de 19 anos de idade. Ela ficou conhecida por um motivo trágico. Bruna transmitiu ao vivo seu suicídio através do Instagram.

Dois dias após a morte dela, os pais de Andressa também cometeram suicídio [VIDEO]. O corpo deles foi encontrado nesta sexta-feira (28).

Pais de menina que transmitiu suicídio ao vivo no Acre também se matam e caso gera comoção

De acordo com informações do portal G1, os pais da estudante que transmitiu sua morte no Acre são o subtenente Márcio Augusto de Brito Borges, de 45 anos, e Claudineia da Silva Borges, que foi sargento, mas saiu da corporação.

Publicidade

Ela tinha 49 anos.

Os cadáveres dos dois foram encontrados na residência do casal, que fica na capital do estado do Acre, na cidade de Rio Branco. A família morava na Vila Militar, um bairro onde muitos militares da ativa e da reserva residem.

Pai e mãe de estudante que transmitiu no Instagram suicídio ao vivo são encontrados mortos

Muitas fotos do local do suicídio foram divulgadas nas redes sociais. O comandante do 4º BIS (Batalhão de Infantaria de Selva), coronel Wellington Valone Barbosa, deu uma entrevista coletiva de imprensa para tratar do assunto.

De acordo com ele, tudo leva a crer que realmente o casal teria se matado, mas, de qualquer forma, o trabalho da Polícia Civil é o da investigação e a apuração será feita.

Carta suicida é deixada por pais de estudante do Acre que exibiu morte ao vivo em vídeo

Na coletiva de imprensa, o coronel informou que uma carta da morte foi encontrada na internet.

Publicidade

O conteúdo não foi revelado e permanece um grande mistério. A Polícia Civil informou que decidiu abrir um inquérito para tentar entender o que aconteceu e que uma perícia deve ser feita pelo Instituto Médico Legal (IML) da região.

O laudo cadavérico deve determinar como o casal se matou. Dessa maneira, a polícia dirá com certeza o que aconteceu na casa dessa família que foi destruída. A expectativa é que os exames em torno do assunto sejam liberados em até 20 dias úteis. No entanto, os médicos legistas esperam que o laudo seja entregue em um tempo menor.

Família de suicida do Acre: detalhes do enterro são revelados

Segundo informações do G1, a família da ex-sargento Claudineia já foi informada do ocorrido e está a caminho da capital do Acre. O Exército disse que conseguiu localizar um irmão do subtenente Borges e o corpo deve ser enterrado no Pará. A previsão é que haja um translado para a cidade de Belém. #Crime #Investigação Criminal