Publicidade
Publicidade

Um caso de suposto suicídio tem intrigado os policiais do Acre. O casal Marcio Brito, de 45 anos, e Claudineia Borges, de 49, foi encontrado morto em sua residência.

O caso aconteceu pouco tempo depois de Bruna Borges, filha dos dois, ter transmitido ao vivo o seu suicídio pela rede social Instagram. A principal suspeita das autoridades locais é a de que o casal tenha cometido duplo suicídio.

Existe ainda uma pequena chance de que um dos dois tenha cometido homicídio e em seguida se suicidado, mas os policiais responsáveis pelo caso ainda trabalham mais a primeira hipótese.

Um bilhete foi deixado, mas a #Polícia não divulgou o conteúdo.

Publicidade

Em entrevista a alguns veículos, o delegado responsável pelo caso disse que os pais estavam muito abalados pela morte da garota, e que quando deram os seus depoimentos estavam claramente em estado de choque. O corpo do casal foi encontrado por uma familiar, que acionou a polícia.

Jovem fez transmissão ao vivo de sua morte através do Instagram

No dia 26 de julho, a jovem Bruna Borges, estudante de Ciências Sociais da Universidade Federal do Acre (UFAC), cometeu suicídio durante transmissão ao vivo em seu Instagram. Antes de realizar a cena trágica, Bruna disse que estava abandonada e que não dava para agradar a todos. A menina então se enforcou ao vivo.

Pouco antes, ela tinha usado outra rede social para comentar sobre suicídio.

Publicidade

Ela postou uma mensagem em seu mural no Facebook perguntando se os seus seguidores já tinham visto um suicídio em tempo real.

Depois do episódio dramático, e da grande repercussão, os pais de Bruna foram encontrados mortos em sua casa no Acre, onde moravam com a filha.

Namorado de Bruna também pensou em suicídio

A partida de Bruna de maneira tão triste, e com a transmissão perturbadora, levou desespero e tristeza a todos ao seu redor. Assim como os pais da garota [VIDEO], o namorado de Bruna também teve uma crise depressiva por conta do ocorrido. O jovem também decidiu se suicidar, mas a tentativa falhou e ele sobreviveu. O nome do rapaz não foi divulgado, mas informações de várias entrevistas dão conta que ele estudava na mesma faculdade que a garota.

Amigos afirmaram a imprensa que o rapaz entrou em uma grande depressão depois da morte da jovem, por isso decidiu se suicidar. Na tentativa, ele consumiu uma grande quantidade de medicamentos e começou a passar mal. Os pais do jovem viram a situação e rapidamente levaram-no a um hospital, onde foi prontamente socorrido e salvo a tempo. Ele permaneceu internado até domingo (30), mas recebeu alta e deve passar por acompanhamento psicológico. #vida #filho