Um vídeo mostrando o estupro de duas jovens surdas ganhou a internet esta semana e causou a revolta de muita gente. O autor do crime é Lucian Ferreira. Ele admitiu o crime e chegou a tentar se esconder em um clínica para drogados se reabilitarem contra a dependência química.

Apesar de dizer que gravou o sexo e até mesmo a tortura contra as meninas com deficiência auditiva, como mostra uma reportagem publicada pelo portal de notícias G1 nesta terça-feira (1º), Lucian não considera o que fez um estupro. Ele deu seu depoimento à Delegacia da Mulher de #alagoas.

Homem filma estupro contra duas jovens surdas e divulga vídeo de abuso sexual na web

Lucian é namorado de uma das jovens e no dia 21 de julho ele abordou a companheira, que não teve o nome revelado, acusando a moça de traição.

Publicidade
Publicidade

Após achar que tinha sido trocado por um amigo, o homem decidiu filmar o ato contra a namorada e a amiga dela, que também recebeu acusações de transar com o tal amigo. No vídeo, além do sexo, ele aparece maltratando as vítimas e até cortando os cabelos delas.

Rapaz de Alagoas obriga amiga da namorada a fazer sexo oral no amigo dele

Ferreira ainda deu uma entrevista para jornalistas falando sobre o que aconteceu na casa dele. Ele foi ouvido pelo delegado do caso e revelou aos jornalistas que apenas gravou o vídeo com o intuito de convencer que as duas mulheres contassem toda a verdade.

O rapaz informa que sua esposa teria feito sexo com um homem identificado como Wellington, um amigo da família. Para castigá-la, ele obrigou a amiga da mulher, que também é surda, a praticar sexo oral com outro amigo dele.

Publicidade

Homem tortura e estupra duas jovens surdas em Alagoas. Vídeo mostra o estupro

A amiga da esposa de Ferreira ainda foi obrigada a ter relações sexuais com ele. A quarta pessoa, que não foi presa, alegou que realmente as meninas não teriam sido forçadas ao sexo, mesmo que o vídeo mostre que elas estivessem apanhando e até tendo o cabelo cortado. O vídeo mostra parte da sequência de atos insanos e horrorosos.

Rapaz obriga homem a estuprar amiga da esposa em Alagoas e filma sexo

A #Polícia explicou que o outro homem não foi preso porque também foi ameaçado por Ferreira e que as mulheres confirmaram a tese dele. O homem diz que apenas fez sexo com a amiga da esposa de Ferreira pois estava com medo.

A delegada do caso, Zeina Oliveira, mandou prender o acusado e explicou que os abusos não eram recentes. Ela ainda lembra que, apesar do homem não considerar o que fez estupro, para a lei, o ato é sim um abuso sexual. #investigação