A chuva veio com tudo neste primeiro mês do ano, e não tem dado trégua para os brasileiros - por onde passa leva dor de cabeça e estragos para todo mundo. E a Capital do país (Brasília) não ficou de fora destes problemas, para se ter uma ideia várias partes e regiões do Distrito Federal amanheceram nesta quarta-feira (20) alagadas. De acordo com o Instituto Nacional de meteorologia (INMET), choveu em Brasília cerca de 99,6 mm entre 10 horas da manhã do dia 19 até 10 horas da manhã de hoje. 

Esta quantidade foi a maior já registrada em Brasília, superando a marca registrada em 2006. O volume da chuva foi tão intenso que só na cidade satélite do Gama e no núcleo rural de ponte alta o valor registrado da chuva chegou a 102,2 mm.

Publicidade
Publicidade

As regiões que tiveram maiores problemas com a chuva foram as cidades satélites que ficam ao redor de Brasília.

Os alagamentos representaram o principal problema, deixando 300 pessoas prejudicadas em 60 lotes na Vila Cauhy região da cidade satélite de Núcleo Bandeirante. Tudo aconteceu quando a água do córrego que cerca a região transbordou, de acordo com informações do jornal de Brasilia o Governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, ficou de visitar o local nesta quarta-feira (20), às 14h. 

O corpo de bombeiros foi acionado para ajudar as famílias por volta das 5h da manhã e prestou socorro a 53 pessoas até às 7h da manhã. Todos foram atendidos sem gravidade. De acordo com o administrador regional do Núcleo Bandeirante, Riacho fundo e Park Way, Cleudimar Sardinha, de todos os alagamentos já vistos por ele na região, nenhum foi tão grave quanto este.

Publicidade

Ele informou também que a administração  tem  poder limitado, não podendo viabilizar e regularizar a área afetada. A administração fez uma arrecadação de mantimentos por conta própria para as famílias, além de um almoço para para as famílias prejudicadas. As administrações regionais do Núcleo Bandeirante, Park Way e Candangolândia estão recebendo doações de colchões, roupas e alimentos em suas sedes, os telefones para contato são: (61)34869500 - Núcleo Bandeirante, (61)33019300 - Candangolândia e (61) 34866800 - Park way. 

Outras regiões do Distrito Federal também foram  afetadas pelos alagamentos, em Taguatinga, cidade satélite, o trânsito no viaduto localizado no pistão norte ficou alagado, prejudicando logo cedo a vida da população. No núcleo rural da Ponte Alta, os bombeiros foram chamados para resgatar famílias que ficaram presas em suas casas por conta da quantidade de água na região da chácara 13. Já em São Sebastião, as ruas localizadas na quadra 25, foram inundadas pela água e afetadas pela quantidade de lixo espalhado pela região.

De acordo com a meteorologia a previsão até sábado para o Distrito Federal e para Goiás é de chuva, podendo ocorrer novos alagamentos e mais problemas para a população. 

 

  #Mudança do Clima