O apresentador do Sistema Brasileiro de Televisão (SBT), Danilo Gentili, está próximo de um novo processo em decorrência de uma brincadeira de mal gosto realizada por ele em relação à uma senadora do #PT. Em seu Twitter, Gentili comparou a senadora do PT, Regina Sousa, como "tia do café". Gentili falou que "senador tem que ter cara de alguma coisa" e ainda comentou que não conseguia entender nada que a senadora Regina falava. A senadora petista ficou incomodada e se sentiu ofendida com as declarações do apresentador. Regina ressaltou, em seu perfil na rede social que, em nome das faxineiras e das tias do café, irá processar Danilo por preconceito.

Publicidade
Publicidade

O post de Danilo Gentili teve uma grande repercussão entre os internautas. A maioria se mostrou indignado com o apresentador, afirmando que a mensagem tem ares preconceituosos. Os advogados da senadora estão levantando documentos para processar Gentili. Regina Sousa, em um vídeo gravado, disse que ficou com raiva de Danilo, não por ele ter comparado ela com a "tia do café", mas sim, por ele ter dito que "senador tem que ter cara de alguma coisa", e não podia se parecer com uma senhora que serve café.

Defesa

Em sua defesa, o apresentador Danilo Gentili afirmou que tudo isso foi apenas uma brincadeira que ele fez com a senadora petista por um único motivo: ele não conseguia entender o que ela dizia. Ela parecia perdida no Senado, disse Gentili. Em uma entrevista à Rádio Jovem Pan, Danilo disse que estava no banheiro ouvindo o discurso da senadora, na votação do impeachment, e não conseguia distinguir o que ela queria dizer.

Publicidade

Parecia que uma mulher do café, viu o microfone vazio, foi lá e falou alguma coisa, completou o apresentador. Segundo o apresentador do #SBT, ele é alvo de perseguição da imprensa.

Internautas

A repercussão desse episódio na internet foi muito grande. Alguns fizeram críticas ao apresentador, chamando-o de preconceituoso, "podre" e infantil. Outros apoiaram o apresentador brincando da mesma forma. Um deles, por exemplo, disse que pensou que era a faxineira que tinha pego o microfone e não a "tia do café", como disse Gentili. #Senado Federal