Está pensando em comprar um #carro novo? Um dos aspectos que se deve pensar ao comprar um veículo é, entre outros, a sua desvalorização. Não há como fugir da depreciação do mercado, pois todo veículo irá perder seu valor com o tempo, mas uma boa escolha pode fazer com que o proprietário perca menos dinheiro.

Pensando nisso, a Agência Autoinforme realizou um estudo que revelou os dez veículos que menos desvalorizam após um ano de uso. O campeão foi o Honda HR-V, que recebeu o Selo de Maior Valor de Revenda 2016.

Importante ressaltar que o trabalho leva em consideração o valor médio de venda dos veículos 0 km em agosto de 2015 e o preço médio de anúncio do carro no mesmo período de 2016.

Publicidade
Publicidade

Esta é a terceira edição da premiação realizada pela Autoinforme. Nos anos anteriores, o Chevrolet Onix conquistou o título de veículo que menos desvaloriza em um ano, mas nesta edição ocupa a terceira posição.

O estudo deve desmistificar o pensamento de algumas pessoas que afirmam que ao tirar um veículo da concessionária ele já perde 20% do seu valor. Na prática, não é bem assim que acontece.

A agência analisou cerca de 130 automóveis vendidos no país. Confira a lista dos dez principais carros no ranking:

1 – Honda HR-V

Líder do ranking e vencedor do Selo de Maior Valor de Revenda 2016, o SUV japonês encabeça a lista com uma desvalorização de 4,5% após um ano de uso.

Segundo dados da Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores), o veículo foi o utilitário esportivo mais vendido do primeiro semestre deste ano.

Publicidade

Seu preço varia entre R$ 79 mil para a versão mais básica e R$ 101 mil no modelo mais completo.

2 – Jeep Renegade

Segundo colocado na lista e em vendas na categoria, o SUV da Jeep desvalorizou 6,4% depois de um ano.

O preço varia de R$ 72 mil no modelo mais barato com câmbio manual e pode ir até R$ 136 mil na versão Trailhawk, considerada a mais completa e com transmissão automática.

3 – Chevrolet Onix

Campeão das duas últimas edições da premiação, o hatch compacto ocupa a terceira posição com 8,3% de desvalorização após um ano de uso.

Já com o facelift, o novo Onix parte de R$ 49 mil e pode chegar até R$ 57 mil em sua versão Activ.

4 – Land Rover Discovery Sport

Conhecido por ser luxuoso, o veículo da Land Rover conquistou a quarta colocação da lista ao marcar 9,3% de desvalorização depois de 12 meses.

Fabricado no Brasil, o SUV de luxo está sendo comercializado por R$ 217 mil na sua versão básica e seu modelo mais completo custa R$ 272 mil.

5 – Volkswagen Up!

Colado na quinta posição está o compacto da Volkswagen.

Publicidade

Sua depreciação chegou aos 9,4% após um ano.

O modelo mais simples custa R$ 31 mil, enquanto a versão TSI pode chegar aos R$ 50 mil.

6 – Ford Ka

Único carro da marca a aparecer no top 10, o Ka mostrou desvalorização de 9,9% depois de 12 meses.

Sua versão mais básica parte de R$ 43 mil e pode chegar até os R$ 49 mil em seu modelo SE Plus, equipado com motor 1.5.

7 – Suzuki Jimny

A fabricante japonesa também está presente na lista. Com uma desvalorização de 10% após um ano, o Jimny aparece na sétima posição.

O aventureiro custa R$ 65 mil na sua versão de entrada e o modelo mais completo pode chegar aos R$ 71 mil.

8 – Honda CR-V

A oitava colocação é do SUV da Honda. Na medição, o veículo demonstrou depreciação de 10,1% depois de um ano.

O 4x4 está sendo vendido em versão única e custa R$ 148 mil.

9 – Volkswagen Fox

O hatch compacto da Volkswagen é mais um carro a aparecer no ranking. Sua desvalorização de 10,3% depois de um ano de uso deixou o veículo na nona posição.

O Fox parte de R$ 46 mil na versão Trendline e pode chegar até R$ 63 mil no modelo equipado com câmbio automatizado.

10 – Honda City

Fechando a lista está mais um automóvel da marca japonesa. O City chegou a uma valorização de depois de 365 dias de uso.

O preço varia de R$ 60 mil no modelo mais simples e chega até os R$ 81 mil na versão mais completa. #veiculos