A versão especial #Vespa 946 #Empório Armani lançada no Brasil custa mais caro do que uma motocicleta de 1.000 cilindradas. A fabricante italiana, que retomou suas operações no mercado brasileiro, anunciou, nesta segunda-feira (21), que a edição do scooter custa R$ 59.300, enquanto que a naked de alto desempenho BMW S 1000 R zero sai por R$ 56.928.

O modelo foi lançado em 2015 para celebrar os aniversários de dois ícones italianos, os 40 anos da grife Giorgio Armani e os 130 de vida do Grupo Piaggio, dona da Vespa. A 946 Empório Armani se diferencia principalmente pela cor. O estilista Giorgio criou uma paleta de cinza com um toque de verde, só pode ser visto como um reflexo da condição de alto brilho.

Publicidade
Publicidade

O tratamento galvânico de superfícies de metal deu um acabamento mate, não só para o corpo, mas também para todos os outros elementos de cores diferentes. O scooter traz ainda o logotipo da grife na lateral e a águia da marca no farol.

Motor

A parte mecânica é a mesma. O motor é de 125 cc, de quatro cilindros, com freio ABS (antitravamento) e ASR (controle de tração). A Empório Armani é baseada na Vespa 946, que reúne design futurista com elementos clássicos, que marcam a identidade do scooter. Ela é um dos cinco modelos que a Vespa comercializa no Brasil, com preço a partir de R$ 22.890.

A fabricante voltou ao país em outubro passado com veículos importados, mas tem planos de montá-lo em Manaus (AM) a partir de 2018. Os preços sugeridos são:

  • Primavera 125: R$ 22.890
  • Sprint 150: R$ 26.930
  • Primavera 150 (série histórica): R$ 27.930
  • GTS 300: R$ 32.930
  • 946 Empório Armani: R$ 59.300

Custos

Mesmo os modelos mais em conta são mais caros que os scooters vendidos no País.

Publicidade

A Honda PCX 150, a scooter campeã de vendas, por exemplo, sai por R$ 10.300.00, menos da metade do valor da Primavera 125.

A Vespa justifica a diferença por dos dois motivos. Ela considera que seus veículos são de um segmento diferente, mais sofisticado, uma linha premium. O outro motivo é o alto custo de importação. A empresa explica que também lançará no Brasil scooters da Piaggio, estes sim com preço para concorrer com os modelos já disponíveis e mais populares.

#Vespa Empório Armani