O ano de 2017 começa com seis carros saindo definitivamente de linha no Brasil e um com as venda suspensas temporariamente. Após duas décadas no mercado nacional, o #Renault Clio se despediu e está fora do catálogo da marca para dar lugar ao subcompacto Renault Kwid, que chegará no segundo semestre deste ano.

A #Fiat fez uma limpeza em seu portfólio e cinco modelos deram adeus nesses primeiros dias de 2017 por causa das baixas vendas no mercado nacional. São eles o Bravo, Freemont, Idea, Linea e Palio Fire. Esses modelos não estão mais nos configuradores das marcas e as poucas unidades que restam são de estoque das concessionárias.

Publicidade
Publicidade

Já o Ford New Fiesta Sedan, que é importado do México, teve as vendas suspensas.

Avant-première

O Clio deixou de ser produzido em outubro passado na fábrica da marca em Córdoba, na Argentina, com as últimas unidades vendidas em dezembro, quando 43 unidades foram emplacadas no Brasil. Até o lançado do modelo inédito, o Renault Sandero fará as vezes de modelo de entrada da marca no País, com o preço partindo de R$ 42.400.

O Kwid já fez uma avant-première no Brasil e foi apresentado como show car no Salão do Automóvel de São Paulo, em novembro. Porém, a própria montadora anunciou na época o lançamento no País, juntamente com o novo utilitário esportivo Captur, que chegará nos próximos meses. Ele foi mostrado como Kwid Outsider Concept, desenvolvido como um exercício de cores materiais. Com mudanças apenas nesses dois quesitos, é o novo modelo que estreará no segundo semestre deste ano.

Publicidade

O Renault Kwid usa a nova plataforma mundial da Renault-Nissan, a CMF-A. Ele é apresentado como um SUV compacto que será equipado de série com quatro airbags, algo inédito no segmento. A montadora usa essa designação por causa da altura livre do solo e posição de dirigir do veículo, similar à dos utilitários esportivos médios.

Leia também

º Yamaha IZF-R1 é transformada em máquina de guerra que dispara 3 mil tiros por minuto. Veja o vídeo

º Novo Chevrolet Equinox será lançado este ano para substituir o Captiva

º Conheça mais sobre a nova geração do Ford EcoSport que chega até junho

º Chevrolet Tracker 2017 estreia novo visual e motor turbo flex

º Novo Volkswagen Tiguan de sete lugares é lançado

Fiat e Ford

A Fiat prepara dois lançamentos no Brasil para 2017, veículos que já estão rodando em testes com os nomes de projeto X6H e X6HS. O primeiro é um hatchback que irá sucederá o Bravo, sendo produzido em Betim (MG). Já o outro modelo é um sedã que substituirá dois modelos de uma só vez, o Linea e o Grand Siena.

Publicidade

Ele será importado da Argentina. Não há novos modelos previstos para ocuparem os lugares do Idea e Freemont. Já o Palio Fire era o último representante da geração anterior do modelo, que era mantido como uma versão barata.

Já a suspensão do Ford News Fiesta Sedan é explicada pela baixas vendas do modelo no Brasil. O modelo teve apenas 1.637 unidades comercializadas em 2016, fechando dezembro com apenas 40 exemplares. A montadora divulgou que “em breve reiniciaremos o fornecimento do New Fiesta Sedan”, mas sem definir uma data. O New Fiesta Hatch, produzido em São Bernardo do Campo (SP) continua sendo vendido normalmente, com preço inicial de R$ R$ 53,1 mil.

#Carrossaemdelinha