O pony car #Ford Mustang e a picape F-150, dois dos veículos mais populares e icônicos dos Estados Unidos, ganharão versões híbridas até 2020. O anúncio foi feito, nesta terça-feira (3), pelo CEO da montadora norte-americana, Mark Fields, durante entrevista na fábrica em Flat Rock, em Michigan (EUA), ao divulgar investimentos de US$ 4,5 bilhões nos próximos cinco anos para lançar 13 veículos híbridos ou elétricos.

De acordo com o executivo, o inédito Ford Mustang será ainda mais divertido de dirigir. O modelo, segundo a fabricante, deverá entregar potência equivalente ao motor V8, porém mais torque em baixas rotações. O carro com motores a combustão e elétrico será vendido inicialmente nos Estados Unidos.

Publicidade
Publicidade

O Mustang

A fabricante não antecipou as especificações do pony car híbrido, mas, como referência, as versões com motor V8 são a GT, com bloco de 5.0 litros de 411 cv a 6.500 rpm (435 hp) e torque de 55,3 kgf.m a 4.250 rotações por minuto (400 lb-ft); Shelby GT350 e Shelby GT350R, ambos equipados com propulsor 5.2 litros de 533 cv a 7.500 giros (526 hp) e torque de 59,31 kgf.m a 4.750 rpm (429 lb-ft).

Há outras sete versões, mas que trazem motor V6 aspirado de 3.7 litros ou 2.3 turbo de quatro cilindros (EcoBoost). O Ford Mustang ocupou três das dez primeiras posições entre os muscle cars mais vendidos nos Estados Unidos em 2016.

Leia também

º Motorista de Corvette é flagrado pela polícia fazendo zerinho em Guaratuba, no Paraná

º Chevrolet Camaro 2017 começa a ser vendido no Brasil por até R$ 338 mil

º Ferrari Testarossa da série “Miami Vice” está à venda

º SUV são os preferidos dos ricos norte-americanos. Veja quais são vendidos no Brasil e os preços

A F-150

Já a Ford F-150 é a líder de vendas no mercado norte-americano entre todas as categorias há 40 anos consecutivos.

Publicidade

A picape é comercializada em sete versões, com 285 cv (282 hp) a 456 cv de potência (450 hp). A montadora anunciou A F-150 híbrida será vendida na América do Norte e no Oriente Médio, oferecendo grande capacidade de carga útil e servindo também como gerador móvel - poderá fornecer energia elétrica para uma casa, por exemplo.

Os novos veículos fazem parte da ofensiva da Ford para fornecer veículos mais eficientes, econômicos e menos poluentes. Além do Mustang e da F-150, a montadora antecipou que os demais modelos híbridos serão duas viaturas policiais e a van Transit, que será vendida como táxi na Europa. Os demais modelos não foram divulgados.

Carro autônomo

A Ford disse que dois veículos serão totalmente novos, sendo um SUV compacto 100% elétrico com autonomia de 483 quilômetros (300 milhas) e o outro será o primeiro carro autônomo da marca. A fabricante já havia divulgado anteriormente que seu primeiro veículo que dispensa o motorista será lançado em 2021.

Segundo ela, a oferta de veículos elétricos ou híbridos será maior do que com motor a combustão em 15 anos.

Publicidade

A fabricante investirá US$ 700 milhões em Flat Rock para montar uma fábrica para produzir veículos com algum nível de eletrificação e autônomos, o que irá gerar 700 novos empregos. Nessa unidade são produzidos atualmente o Mustang e o Lincoln Continental. Em função desse investimento, a Ford cancelou os planos para uma nova planta de US$ 1,6 bilhão em San Luis Potosí, no México.

#FordF-150 #FordMustang