A nova geração da Triumph Street Triple foi lançada, nesta quarta-feira (10), em Londres, na Inglaterra. A naked tem novo design mais agressivo, linhas mais modernas, novo motor e três versões – S, R e RS. Desde o surgimento do modelo, há 10 anos, ela se destaca no segmento e agora está mais fácil de pilotar, que está mais intuitivo, e o desempenho foi aprimorado.

A Triumph Street Triple 2017 passou de 675 para 765 cc. O novo motor de três cilindros entrega 123 cavalos de potência a 11.770 rpm (123 PS) na versão top de linha RS, 41 cv a mais do que a geração anterior. Já o aumento de torque é de 27,87%, chegando aos 7,85 kgf.m a 10.800 rotações por minuto (77 Nm).

Publicidade
Publicidade

Motor e chassi

O ganho de potência e torque é proporcionado pelas 80 novas peças do motor, com aumento de diâmetro e curso dos cilindros, eixo, pistões, bielas e um contraeixo, bem como de camisas de cilindro, distribuição, admissão e escape. A naked também traz novidades no chassi, com braço oscilante gullwing especialmente desenvolvido para o modelo. que proporciona maior estabilidade em altas velocidades, com maior nível de controle e segurança.

Nas três versões, o motor e chassis têm configurações diferentes que proporcionam características diferentes. O modelo de entrada é a Street Triple S, que tem 113 cv a 11.250 giros, com torque de 7,44 kgf.m a 9.100 rotações por minuto (73 Nm). O garfo invertido dianteiro é da Showa com tubos de 41 milímetros de diâmetro 110 mm de curso. A suspensão traseira tem monoamortecedor com pré-carga ajustável.

Publicidade

O sistema de freio na frente é Nissin com dois pistões com pinça deslizante, e atrás é Brembo. Ela começará a ser vendida em abril na Inglaterra, com preço inicial de 8,9 mil euros (R$ 30,1 mi).

Leia também

º Yamaha YZT-R1 é transformada em máquina de guerra que dispara 3 mil tiros por minuto. Veja o vídeo

º Honda apresenta moto que não cai e anda sem piloto. Assista ao vídeo

º Porsche 911 GTS 2017 está mais potente e ganha cinco novas versões

º Kia Stigner GT é lançado com motor V6 biturbo de 365 cv

º Bentley Continental Supersports está de volta. Ouça o ronco do novo motor W12 de 710 cv

As outras versões

A Triumph Street Triple R tem pegada mais esportiva. Ela desenvolve 118 cv a 12.000 rpm e torque de 7,85 kgf.m a 9.400 giros. O chassi é mais evoluído do que o da S. A suspensão dianteira Showa tem garfo invertido com tubo de 41 mm, mas é totalmente regulável. Os freios são da Brembo, com pinças radiais monobloco e quatro pistões na frente e pinça deslizante atrás. Ela chegará às concessionárias em maio.

Publicidade

Para deixa mais acessível, ela estará disponível em uma versão com altura do assento 30 mm mais baixo. A redução é obtida através de nova configuração da suspensão e banco com desenho diferente. A Street Triple RS é a versão mais radical. A suspensão dianteira é a mesma da R, mas a traseira é monochoque Öhlins STX40. O sistema de frenagem é da Brembo monobloco M50 com pinças radiais e quatro pistões na dianteira, e pinça deslizante na traseira.

Eletrônica

A Triumph Street Triple 2017 também traz novidades na parte eletrônica. Todas as versões estão equipadas com acelerador eletrônico, com o modelo RS tendo cinco modos de configuração - Road, Rain, Sport, Rider e Track. A S tem dois (Road e Rain) e a R, quatro (Road, Rain, Sport e Rider).

A nova naked tem painel de instrumento totalmente digital com tela de alta definição nas versões R e RS. No caso da S, é de LCD. A Street Triple tem freios ABS (antitravamento) e controle de tração de última geração, além de novo computador de bordo.

#TriumphMotorcycle #TriumphStreetTriple #StreetTriple2017