Vi na internet pílula que promete diminuir meu colesterol e controlar minha pressão.

Vamos lá... É sério que essa nova substância será capaz de enganar meu organismo??

Queimar gordura. Diminuir o colesterol, a pressão sanguínea e os níveis de açúcar. Controlar as diabretes... Opa! Quer dizer, diabetes. Com poucos efeitos colaterais!!! Só coisa boa... só coisa boa...

“— A pílula é como uma refeição imaginária — compara Ronald Evans, diretor do Laboratório de Expressão Gênica de Salk e autor principal da pesquisa publicada ontem na revista ‘Nature Medicine’. — Ela manda os mesmos sinais que normalmente ocorrem quando a pessoa come uma grande quantidade de alimentos, de modo que o corpo começa a abrir espaço para estocá-los.

Publicidade
Publicidade

Mas não há calorias nem mudanças no apetite, então, consequentemente, há perda de peso.” (Fonte: O Globo)

Até que enfim, uma notícia boa para os gordinhos! Fico radiante! Adeus, arroz integral! Adeus, remédio para compulsão, para ansiedade e para depressão!

Começo agora o meu projeto verão 2016.

Onde posso assinar?? Pois quero ser o primeiro...

Só nos resta saber quando vão inventar a pílula que engana o leão, o cartão de crédito, a sogra, o IPVA, o IPTU e tantos outros us.

Senhores cientistas, se possível, gostaria de perder também meu cartão de crédito junto com todas as faturas, minha sogra, alguns anos e rugas e, se não for pedir muito, desejo... mais do que tudo... perder a mim mesmo nas Bahamas.

Mas tem outro jeito de perder peso, segundo pesquisa da Universidade de Copenhagen: Em 2014  foi relatado que os participantes que seguiram uma dieta nórdica por seis meses perderam mais peso e tiveram a pressão arterial mais baixa.

Publicidade

É a tal da Dieta Viking. A Universidade lá da Finlândia Oriental também pesquisou sobre os benefícios dessa dieta. Ela baseia-se em comer peixe, frutos, cereais integrais e vegetais. Isso, dizem, reduz a taxa dos genes ligados às inflamações provenientes de doenças crônicas. (Fonte: O Globo.)

Comigo tudo é crônico. Acho que vai ajudar bastante. Se bem que eu, se dependesse dos meus genes, deveria ser magrinho: sou metade nórdico!!

Agora, deixando um pouco a piada de lado: VIVA A CIÊNCIA! E que venha logo esse futuro. #Beleza #Terceira Idade