Emagrecer traz diversos benefícios para a vida, desde maior autoestima até mais saúde. Pelo menos esses são os fatores que recebem mais atenção quando o assunto é a perda de peso. Claro, perder os quilinhos a mais diminui o risco de diabetes e fortalece os ossos, mas também há desafios que quase nunca são mencionados.

Confira abaixo quatro coisas que não te contam sobre a perda de peso.

Sua percepção sobre o seu corpo não muda de uma hora para outra

Você pode emagrecer tanto quanto gostaria e chegar ao peso ideal na balança, mas mesmo assim não sentir essa mudança em seu próprio corpo. Para muitas pessoas, a perda do peso costuma ser a parte mais "fácil", já que é ainda mais difícil enxergar essas conquistar em seu corpo.

Publicidade
Publicidade

A maioria das pessoas imagina que, após emagrecer, automaticamente começará a amar o seu próprio corpo e se sentir à vontade ao usar biquíni sem sentir vergonha, por exemplo. Mas a verdade é que a imagem corporal que temos de nós mesmos é a última coisa que conseguimos mudar.

Pode haver sobra de pele

Você pode perder o peso que gostaria, mas provavelmente vai haver marcas que vão ficar em seu corpo para "contar história". As características mais comuns entre quem perde peso são as estrias e pele flácida. E há pouco a fazer sobre isso. Há vários fatores que podem influenciar positiva ou negativamente as estrias e pele flácida, como a velocidade que perdeu o peso (quanto mais devagar, melhor, pois a pele tem tempo de se firmar), idade, quilos perdidos, quantas vezes emagreceu e engordou, etc.

Publicidade

Relacionamentos podem mudar

Pesquisas já confirmaram que o índice de divórcio é maior entre pessoas que perdem peso e que passam por cirurgias para isso. Mas isso não é uma regra. O parceiro pode tanto se sentir mais confiante com alguém mais magro ao seu lado, como se sentir intimidado e temer perdê-lo. Com irmãos, estudos sugerem que pode haver aumento de rivalidade.

Um guarda-roupa com novas peças pode custar bem caro

Ao perder os quilos que deseja, provavelmente você terá que comprar novas roupas de acordo com o seu novo número. E quanto maior e mais drástica for a perda de peso, mais você terá que comprar roupas ao longo de todo o processo. Cintura, quadril e bustos vão diminuir. Ainda assim, a maioria das pessoas ficam motivadas ao comprar roupas de números menores periodicamente.

E é relativamente fácil contornar esse "problema". Basta dar preferência às roupas baratas e de brechós ou trocar peças com amigos. E, claro, se for possível, adie ao máximo as compras de roupas e adquira apenas quando atingir o peso desejado. Se quiser dar um mimo para si mesmo, invista em itens que independam disso, como joias, sapatos e produtos de cabelo.

Apesar de serem problemas pouco comentados no meio, todos eles podem ser contornados através de uma dieta equilibrada e saudável, além de muita paciência e persistência. #Beleza #Dicas