A moringa oleífera é uma árvore indiana que tem chamado a atenção por um fator muito interessante: suas sementes quando trituradas em pó e jogadas em água poluída, faz com que essa fique limpa, e isso sem usar nada químico ou tóxico, como cloro e sulfato de alumínio, que geralmente são poluentes para o meio ambiente.

Estudos feitos nos EUA já comprovaram sua eficiência, pesquisadores daquele país querem construir uma estação de tratamento usando somente o pó das sementes dessas árvores, pois se mostrou um método muito mais eficiente e barato que os meios convencionais usados.

Estudos realizados pelo Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) vêm comprovando sua eficiência no tratamento de águas, pois nas experiências ali realizadas, foi comprovado que 99% das bactérias e dos resíduos foram limpos, deixando a água incolor e própria para o consumo.

Publicidade
Publicidade

Pesquisadores já começaram a desenvolver sachês que serão distribuídos de forma gratuita para famílias ribeirinhas, que moram à beira de rios como o Negro e Solimões, para ser usado no tratamento caseiro da água que é consumida.

Muitas famílias ribeirinhas consomem águas desses rios sem o devido tratamento, que muitas vezes estão poluídas por esgoto e outras matérias orgânicas vindas da mata, sendo que faz muito mal para a saúde das pessoas e principalmente para crianças pequenas, podendo até mesmo levar a morte.

O plantio da moringa oleífera é muito fácil, apesar de ser uma árvore indiana, ela se adaptou bem ao clima tropical do Brasil. Seu crescimento é relativamente rápido, no máximo dois anos já esta gerando sementes que podem ser usadas na purificação de águas. O seu plantio pode gerar renda para famílias carentes, pois é possível fabricar até mesmo biocombustíveis com o óleo extraído de suas sementes e também uma ótima fonte de lucros para apicultores, pois as abelhas gostam das flores desta árvore.

Publicidade

Sendo de fácil cultivo e facilmente adaptável ao clima tropical brasileiro, o seu plantio no estado de SP seria uma ótima ideia e uma grande fonte de renda para pequenos produtores, pois águas poluídas como do Rio Tiete e Pinheiros podem ser limpas por este método, usando para isso uma estação especial.

E quem sabe no futuro, águas desses rios podem ser usadas para consumo, pois com a atual seca que o estado de SP enfrenta, vemos a necessidade de cuidar de nossos recursos hídricos. #Natureza