A clínica médica de Basma Hameed vem ajudando alguns de seus pacientes com uma técnica menos invasiva e bem mais produtiva do que várias sessões de cirurgia, ela está pigmentando o corpo e rostos de pessoas que sofreram queimaduras, através da tatuagem. Como o caso surreal de bullying que aconteceu com a estudante de 17 anos, Samira Omar, que foi covardemente espancada e teve queimaduras por causa de água fervendo. Mas graças à tatuagem ela vem se recuperando sessão após sessão e recobrando a autoestima e vontade de viver. 

A primeira paciente de Hameed foi ela mesma, depois de um acidente na cozinha quando ainda era uma criança, que a deixou com devastadoras queimaduras de terceiro grau no rosto. Ela passou por mais de 100 cirurgias dolorosas e longas, mas seu rosto sempre permaneceu com aquele vermelho brilhante das queimaduras. Muitos desistiriam, mas ela foi criativa: “Depois de 3 tentativas de transplante de sobrancelhas que não deram certo, eu decidi ter minhas sobrancelhas pra sempre e tatuadas” diz Hameed. “Eu vi o resultado na hora, eu fiquei tão feliz que pensei comigo mesma em fazer o mesmo procedimento de coloração nas minhas cicatrizes, pra camuflar a descoloração da pele. Mas naquela época ninguém nunca tinha ouvido falar nessa técnica, e tampouco tinham coragem de se arriscar”.

E devido ao sucesso de sua tentativa, ela sabia que isso poderia mudar muitas vidas além da dela e ela levou isso como uma missão. Hameed se tornou a heroína de pacientes desacreditados e em depressão por causa dos insucessos em cirurgias faciais. Seu pioneirismo em camuflagem de cicatrizes ajudou muitos pacientes a retomarem a vida e o controle sobre suas emoções.

“Quando encontro meus pacientes pela primeira vez, eles são tão tímidos e até mesmo envergonhados por causa das cicatrizes e tem dificuldade em melhorar. Mas depois de algumas sessões eles se tornam pessoas novas. Eles sorriem novamente, gargalham e o mais importante de tudo: sentem que podem VIVER novamente!” Isso que mantém Hameed no seu objetivo. 

“Ouvir meus pacientes dizerem, ‘Agora eu posso sair e viver de verdade!’ me traz aquela sensação de alívio e alegria que eu mesma senti quando vi os resultados em mim... e me mostra o quão abençoada eu sou por poder proporcionar isso pras pessoas.” 

Pensando no futuro, Hameed quer ajudar o maior número possível de pessoas, e para isso ela fundou a Academia de Treinamento Basma Hameed (Basma Hameed Training Academy), com escritórios em Chicago e em Toronto. 

“Eu quero ver meus pacientes felizes e curados no mundo todo um dia. E meu objetivo final é poder disponibilizar meu tratamento a qualquer pessoa que precise, em qualquer lugar do mundo!” diz Hammed.

Mais um caso excelente em que tatuagens servem não só pra deixar nosso corpo cheio de artes, mas pra deixar nossa alma mais leve e mais bonita também! E mais um viva para a tatuagem! #Inovação #Maquiagem