Valery Spiridov, um russo de 30 anos, que sofre com uma doença terminal, espera se tornar o primeiro homem a ter sua cabeça transplantada para outro corpo. O homem, que trabalha como cientista da computação, está no estágio mais grave da doença. Ele sofre de amiotrofia espinhal do tipo "Werdnig-Hoffman". Em entrevista ao Daily Mail, Valery ressaltou que sente medo sobre a cirurgia, porém, afirma que seu estado de saúde está ficando cada dia pior, que não teria outras opções e está disposto a ser a "cobaia" para o transplante, caso contrário terá um destino muito triste.

O médico responsável pela cirurgia será o italiano Sergio Canavero, neurocientista membro do "Grupo de Neuromodulação Avançada de Turim".

Publicidade
Publicidade

Recentemente, o médico declarou ter a capacidade de realizar um transplante de cabeça em humanos com sucesso.

De acordo com Sergio Canavero, seria preciso uma equipe de ao menos 150 pessoas, entre enfermeiros e médicos responsáveis, para realizar o procedimento com sucesso. O corpo deve vir de um doador com morte cerebral, mas que tenha os demais órgãos e esteja em bom estado. O tempo médio para realizar o transplante seria de 36 horas e o custo calculado pode ultrapassar R$ 34 milhões.

O italiano defende a tese de que cirurgias como esta ajudaria milhares de pessoas, que sofrem de algum mal degenerativo ou câncer. Enquanto do outro lado, a oposição diz que tudo não passa de "pura fantasia".

Transplantes em animais

Há 45 anos, em 14 de março de 1970, um transplante de cabeça como este foi realizado, mas o paciente não era um humano e sim um macaco.

Publicidade

Porém, o animal não se adaptou e seu organismo não resistiu, o animal faleceu cerca de um dia e meio após o transplante. A cirurgia foi feita pela equipe de Robert White, que esperava ser visto com um herói, no entanto, a maior parte das pessoas na época ficou chocada com a experiência. Há relatos que, recentemente, na China, também foi feito um transplante desses, mas o paciente desta vez teria sido um rato de laboratório. #Curiosidades