Eles foram imortalizados por por Robin Williams no filme "Patch Adams: o amor é contagioso". O ator parece não ter tido, em suas últimas horas de vida, o apoio que precisava. As pessoas que sofrem de algum mal crônico, principalmente crianças ou adultos em fase terminal, são acometidas por sentimentos de depressão e perda de autoestima.

Crianças e pessoas idosas não devem ser relegadas a asilos ou deixadas largadas em hospitais. Esta forma de desamor revela uma das faces ocultas do ser humano. Infelizmente não é incomum ver estas situações.

Em contrapartida existem pessoas que podem colaborar. Não apenas pegando suas roupas, doando, fazendo meia volta e retornando para seus afazeres diários.

Publicidade
Publicidade

Não apenas contribuindo com valores financeiros pequenos em frente às suas possibilidades. Estas atitudes são importantes sim, mas insuficientes. Não somente para aqueles que necessitam do apoio. É importante também para o próprio ser humano. Ajudar outras pessoas, com a doação de uma parte de si mesmos é reconfortante. A maior recompensa vem como um sorriso, um aperto de mão ou um abraço.

Qual figura mais indicada para levar um pouco de alegria para estas pessoas? A figura do palhaço, em hospitais e asilos, inspira diversos grupos que podem ser criados não para tornar a pessoa um médico da alegria, para o que é preciso ter formação acadêmica especializada, mas para formação de grupos que façam visitas regulares a estes estabelecimentos e a eles levem um pouco de alegria e momentos diferentes daqueles que são comuns, quando a porta se fecha e o último enfermeiro apaga as luzes.

Publicidade

Existem diversos programas de formação que indicam as formas mais indicadas de ação para que pessoas interessadas possam participar. O objetivo não é transformas pessoas leigas em "doutores da alegria", mas sim utilizar o serviço de grupos formados e também atuar na formação de palhaços, em escolas próprias, não apenas para resgatar a profissão, mas para que eles atuem de forma direta com os estes abnegados médicos, que apenas procuram levar um pouco de alegria e conforto a pessoas esquecidas pela vida, mas não pelas pessoas de bom coração. #Medicina