Os computadores fazem a total diferença na sociedade a ponto de atrair a todos os públicos. Na área da saúde o avanço não poderá ser diferente. O Ministério da Saúde ofereceu cerca 25 mil computadores para a formação de prontuários eletrônicos. No total foram cinco mil unidades básicas de saúde (UBS) de 486 municípios que adquiriram a máquina. Com certeza esse foi mais um passo para que as informações do SUS fossem integradas com mais qualidade e praticidade. Os dados agora poderão ser armazenados com mais rapidez e os postos de saúde só tendem a agradecer.

O objetivo do uso dos equipamentos eletrônicos é que com o passar do tempo todas as redes públicas de saúde deixem de utilizar prontuários de papel, ainda aceitos em boa parte das UBSs que obtiveram as máquinas.

Publicidade
Publicidade

Com esse avanço na área, os dados de todos os pacientes poderão ser obtidos em qualquer posto de saúde do Brasil. Os computadores terão grande responsabilidade no momento em que as informações forem armazenadas e por enquanto somente reunirão informações do paciente para algumas determinadas áreas tais como a pediatria e a ginecologia a fim de organizar.

Os computadores distribuídos trazem o novo modelo de do prontuário eletrônico para suprir a necessidade básica da saúde que em meio a crise tem sofrido grandes problemas. As máquinas eletrônicas que foram disponibilizadas serão um grande auxílio para o desenvolvimento do SUS. Com essa oportunidade em mãos todos os municípios existentes no Brasil poderão entrar de maneira gratuita na versão 2.0 do software (e-SUS AB), que traz funções inovadoras.

Publicidade

O #Governo investiu cerca de R$ 91,2 milhões na compra dos equipamentos.

A tecnologia permitirá com que as unidades de atendimentos de saúde estejam cada vez mais preparadas para atender o público. Os médicos, dentistas e pediatras agradecem. Nada mais justo do que os impostos que o brasileiro tanto paga serem investidos numa área que ainda é precária no nosso território. Os pacientes agora terão privilégios pelo fato de que as informações serão recebidas com mais agilidade. Só nos resta esperar para ver o que a tecnologia causará em nossos postos de saúde.

Leia mais:

http://br.blastingnews.com/fortaleza/2015/08/ministerio-da-saude-anuncia-repasse-de-verbas-para-o-ceara-00498891.html

Pílulas para Aids #Organização Mundial de Saúde #sistema de saúde