Cientistas Ingleses anunciaram um novo exoplaneta com ventos tão fortes que podem chegar a uma velocidade de 9.000 quilômetros por hora, isso seria quase oito vezes maior que a velocidade do som, e sua temperatura passa dos 1.000 graus.

Segundo o portal Terra, o nome do planeta, que fica a mais de 60 anos-luz da terra, é  "HD 189733b". Ele foi achado em 2005, mas somente agora os pesquisadores puderam analisar o clima do corpo celeste, que fica fora do nosso sistema solar.

Tom Louden, do Grupo de Astrofísica da Universidade Britânica, disse ser a primeira vez que se consegue pesquisar o clima de um planeta tão distante da Terra.

Publicidade
Publicidade

Disse ainda que já se tinha conhecimento de ventanias em grandes planetas, mas ainda não tinha sido possível analisar este fenômeno.

"Nunca foram registrados ventos aqui na terra com essa magnitude, lá em "HD 189733b" os ventos chegam a ser vinte vezes mais intensos do que no nosso planeta", revela Tom.

Procedimentos para se medir os ventos

O procedimento foi feito com a ajuda do telescópio Harps, no Chile.

Segundo o portal Terra, "A velocidade (do vento) no HD 189733b foi medida usando uma espectroscopia de alta resolução de absorção do sódio presente na atmosfera". A atmosfera do planeta oscila para perto e para longe da Terra devido a força da gravidade e outros efeitos de movimentação. Com isso, as ondas mudam de tamanho, permitindo assim uma análise dos ventos e das temperaturas presentes no planeta. 

"O efeito Doppler é a mudança da frequência de uma onda produzida pelo movimento relativo da fonte em relação ao seu observador.

Publicidade

Neste caso, o objeto em movimento é o exoplaneta.", explicou o Portal Terra.

Já o sol desse planeta, no qual ele faz um giro na sua frente, tem grande intensidade de luz no seu centro, permitindo assim que a superfície tenha lugares com bloqueios de luz solar, que se alternam durante o dia.

Os cientistas afirmam que foi a primeira análise feita em ambos os lados do planeta. Todos os lados foram medidos e isso fez com que eles conseguissem mapear os ventos no exoplaneta. #Natureza #Curiosidades