Cotidianamente podem ser observadas falhas ou deficiências em diversas regiões pelo mundo afora por parte das autoridades governamentais em atender certos requisitos que são direitos dos cidadãos e, lamentavelmente, é geralmente a população mais pobre a que apresenta maior carência ou a necessidade de vários recursos. 

No setor da saúde não é diferente, uma vez que parece ter sido deixado de lado em diversos países, inclusive no Brasil, pois há a falta desde médicos a remédios, utensílios, restrição do acesso a novas tecnologias hospitalares, entre outros itens.

No dia a dia, as pessoas dizem já ter ciência dessas informações; entretanto, o relato de alguns enfermos de diversos países acaba revelando que a comida nos hospitais brasileiros é inferior à alimentação de hospitais em 20 outros países, onde algumas nações são até do 3.º mundo. 

É fato que no setor da área de saúde e afins, o Brasil necessita evoluir. As poucas pessoas que conseguem atendimento, lamentavelmente têm de enfrentar péssimas condições em muitos hospitais, onde a alimentação é sem tempero e às vezes escassa, restringindo-se a legumes, frango e arroz. 

Exemplos de comidas hospitalares saborosas em 20 diferentes nações:   

  • Malásia: frango e talharim.
  • Noruega: salada, torta de carne e pão.
  • Estônia: salada, pão doce, purê, guisado de carne com legumes e leite.
  • Suécia: verduras, frango ao curry, laranja e arroz
  • Alemanha: salada, carne a milanesa, uma massa alemã chamada de spätzle e pão doce.
  • França: verduras, peixe, baguete, frango acompanhado de abobrinha e uma fatia de torta.
  • Austrália: sorvete de baunilha, guisado de cordeiro, caldo de carne, purê, sanduíches, pana cotta.
  • Singapura: vegetais, peixe, caldo e batatas fritas.
  • Canadá: couve chinesa, carne de porco com molho agridoce e arroz.
  • EUA: brócolis, alface, ravióli com espinafre e ricota, mousse de chocolate e pão.
  • Grécia: brócolis, batata assada com queijo, verduras, filé bovino e uma fatia de torta.
  • Finlândia: salada, peixe com verduras e pão doce.
  • Coréia do Sul: salada, caldo, aveia e omelete.
  • Rússia: tangerinas, caldo, tortinha de carne moída e pão.
  • Índia: salada, arroz, curry e tortilha.
  • Grã - Bretanha: salada, macarrão com queijo, batatas fritas e pudim de pão com creme de confeiteiro.
  • Indonésia: ovos cozidos, frango, arroz com leite e talharim.
  • África do Sul: Ovos cozidos, tortinha de legumes, linguiças, e torradas.
  • Israel: Caldo de lentilhas, cenouras cozidas, purê de batatas, salada e carne à milanesa.
  • Japão: legumes, caldo, salmão e kiwi. 

Após o conhecimento da listagem de alimentos hospitalares de outras nações, é fato que o sistema brasileiro de saúde precisa imediatamente melhorar a qualidade de vida e alimentação de sua população hospitalar, que caso não aconteça na velocidade esperada, poderá comprometer não só os pacientes internados, mas as gerações futuras.

Publicidade
Publicidade

#Hospital #Doença #Alimentação Saudável