Pesquisa conduzida pelo Instituto de Defesa do Consumidor (Idec) com 14 biscoitos comercializados como integrais no mercado nacional concluiu que apenas 3 continham, dentre seus ingredientes, farinha de grãos integrais. Análise das tabelas nutricionais dos produtos também apontou que, em cinco deles, sequer havia um ingrediente integral em sua composição.

Por essas e por outras, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) dará início ao processo de regulamentação do tema, adotando critérios mínimos para que um produto possa ser declarado integral e, ao mesmo tempo, adequando regras específicas para a informação contida nas respectivas embalagens.

Publicidade
Publicidade

Em busca de uma alimentação mais saudável e mais completa quanto à sua composição nutricional, muita gente opta por fazer uso dos chamados "alimentos integrais".

Estudos conduzidos pela Associação Americana do Coração demonstraram que o consumo de porções de cereais integrais, pelo menos três vezes por dia, pode reduzir as taxas de colesterol e minimizar as complicações cardiológicas, ajudando as pessoas a viverem mais.

Mas, o que é alimento integral?

Integral é o alimento que, embora possa ter passado por algum processo industrial, como a panificação, foi produzido com ingredientes íntegros, assim como são encontrados na natureza. Por exemplo, os grãos de trigo, de aveia, de cevada, colhidos e levados à indústria, são integrais quando minimamente processados antes de serem utilizados como ingredientes do alimento, mantendo, dessa forma, seus principais componentes anatômicos (casca, película, germe), onde reside a maior parte de sua riqueza nutricional.

Publicidade

No entanto, muitos fabricantes simplesmente adicionam uma pequena quantidade de ingredientes integrais e alegam que o produto final seria, então, integral. Como ainda não há regras para a produção de alimentos integrais, produtos dos mais diversos são assim nomeados, induzindo o consumidor a pensar que está adotando práticas alimentares mais saudáveis quando os inclui em sua #Dieta. A regulamentação anunciada pela ANVISA deverá facilitar as coisas para o interessado em uma #Alimentação Saudável. #Culinária