A salsa, também conhecida em algumas regiões como “salsinha” ou também “salsão”, é uma poderosa erva originária do mediterrâneo e, na maioria das vezes, é utilizada na culinária como tempero e também deixa as saladas com um ar mais sofisticado, bonito e saboroso.

O que muita gente não sabe é que a salsa tem muito mais benefícios a saúde a oferecer do que aparenta. A planta não serve apenas para “enfeitar o prato”, ela, que possui quase 2000 anos, podem evitar e combater diversas doenças e promover bem-estar.

Confira alguns dos principais benefícios que a salsa pode oferecer a você e sua família!.

- A salsa é uma erva rica em vitaminas essenciais ao nosso organismo, com destaque para a C, B 12, K e A. Ela fortalece o sistema imunológico, os ossos e contribuiu para que seu sistema nervoso fique saudável.

Publicidade
Publicidade

-O uso regular da salsa diminui dores articulares, já que a erva é um anti-inflamatório natural.

-Usar salsa regularmente pode ajudar no controle da pressão arterial. O coração humano pode ser tonificado pelo ácido fólico presente na composição da planta.

-A salsa pode ser uma grande aliada na prevenção do câncer. Estudiosos afirmam que seu óleo essencial pode inibir tumores cancerígenos. Ela é recomendada por cientistas como um alimento “quimiopreventivo”.

-Chá de salsa ajuda no relaxamento dos músculos e estimula a digestão de proteínas de gorduras.

-A salsa tem ação antibacteriana no organismo, visto que a clorofila, abundante na erva, ajuda a parar o crescimento de bactérias patológicas como as que provocam o mau-hálito, por exemplo.

-O consumo da salsa ajuda a combater a fadiga. Tudo isso graças as altas quantidades de ferro e vitamina C que a planta apresenta.

Publicidade

-A salsa é um poderoso diurético. Seu uso promove uma “faxina” em todo o organismo, melhorando o funcionamento dos rins e também do fígado, auxiliando no emagrecimento.

A salsa pode ser consumida de diversas formas. Pode continuar sendo usada na culinária como tempero e também pode ser incorporada em sua dieta através da preparação de chás. Em alguns casos, como para efeito relaxante, por exemplo, pode ser usada em banhos medicinais.  

Algumas pessoas podem apresentar reações alérgicas com o uso da planta, mas na maioria dos casos o consumo por adultos é seguro. Consumir em excesso pode ter efeitos colaterais como anemia, problemas nos rins e no fígado.

E então, o que você está esperando para incluir a salsa na dieta? Não perca tempo e cuide do seu bem-estar e daqueles que você ama! #Dicas #Curiosidades #Alimentação Saudável