A escritora Rebeca Plantier decidiu, juntamente com uma equipe feminina de nutricionistas, professoras de academias e donas de casa, todas francesas, escrever um compilado de dicas de #Beleza baseado na rotina da mulher francesa. O livro foge das tradicionais dietas, maquiagens, produtos de beleza e afins. 

Alimentação é sagrada

Este é provavelmente o segredo principal de cada mulher francesa. Tratar os alimentos com reverência e não comer lixo ou quando estão com pressa. Você pode dizer que os franceses são obcecados por comida, mas sua obsessão é com requinte e beleza e não com a quantidade. As mulheres francesas muitas vezes têm seu almoço e jantar em restaurantes ou cafés, desfrutando de pequenas porções, vinho e boa companhia.

Publicidade
Publicidade

Uma mulher francesa escolhe qualidade

As mulheres francesas têm um lema: "Você é o que come". Elas preferem o melhor, os mais frescos, e o mais seleto. Seu princípio é optar pelos mais caros e melhor. Não que os mais caros serão sempre os melhores, mas diante da opção de comer um salgado mergulhado em óleo e outras frituras, a francesa irá optar por um delicioso sanduíche ou uma pequena porção de sushi. Quanto ao doce, em vez de escolher por um gigantesco bolo amanteigado recheado de chocolate, a francesa irá optar por uma torta de frutas ou um mousse feito de polpa

Honesta com si mesma

Uma senhora francesa entende perfeitamente que alguns alimentos são muito gordurosos. Ela sabe muito bem que ela não será capaz de ficar em boa forma, se ela comer croissants e pão fresco duas vezes por dia. No entanto, ela nunca vai proibir-se de comer coisas que ela ama.

Publicidade

Em vez disso ela irá comer pequenas porções destes alimentos, em dias alternados e que ela não vá se sentir culpada por ter comido. A escritora relata em seu livro: "Porque vocês dizem 'eu não como doces', mas quando veem alguém comendo uma torta, olham para ela com um olhar faminto e invejoso. Para que se torturar? É só saber comer...". 

Moderação e equilíbrio

As francesas sabem, porém, que se comerem uma fatia de torta pela manhã, o seu almoço terá que ter muita salada e proteína boa (peixes, aves ou carnes), pois ninguém consegue manter um corpo esbelta ingerindo carboidratos e açucares durante todo o dia. Como o subtítulo acima diz, elas são honestas com si próprias e entendem que tudo na vida precisa de moderação.

Ser ativa é um modo de vida, não uma forma de 'gastar' o que você comeu

Rebeca observa que os passatempos ativos são uma parte da cultura nacional na #França. As mulheres francesas fazem caminhadas, escalam montanhas e elas gostam de caiaque, jogar tênis, correr em parques, esqui, e assim por diante.

Publicidade

Além disso, elas andam muito. E tudo isso é uma forma de sua vida, não é um método desesperado para "gastar" os alimentos que consomem. Você pode iniciar agora um modo de vida mais ativo, você precisa procurar amor por caminhadas, corridas e outros esportes. 

Francesas não se preocupam sobre excessos ou castigam seu próprio corpo

Apesar disso tudo, as mulheres francesas entendem que nem sempre você terá um corpo tido como ideal, perante a sociedade, mas elas pouco se importam com isso. Elas são confiantes e sabem que se estão passando por problemas de sobrepeso ou falta dele, tudo que precisam fazer é conciliar novamente uma deliciosa alimentação moderada com alguns exercícios que ela já gosta. Faça isso, pare de se torturar e odiar seu corpo, se você realmente não se sente feliz com ele, procure mudar hábitos e principalmente tenha paciência consigo mesma.  #Alimentação Saudável