O número de #Animais perdidos ou abandonados nas ruas aumenta, diariamente, principalmente quando os donos decidem ir passar férias num determinado lugar onde não têm possibilidades de transportar o seu animal de estimação. Por este motivo, é importante saber como deve agir caso encontre um animal na rua.

De acordo com o site Encontra-me.org, em primeiro lugar, é importante perceber se o animal encontrado está perdido ou abandonado. Muitas vezes, é complicado conseguir apurar qual a situação do animal, contudo existem diversos fatores que podem ser analisados. É importante perceber se o animal tem trela ou coleira, indícios de ter recebido tratamento veterinário (por exemplo a presença de um penso em qualquer parte do corpo), analisar o pelo e perceber se tem muita sujeira aparente e também se está bem tratado, perceber se o animal é calmo e meigo, entre muitos outros fatores.

Publicidade
Publicidade

Mesmo que fique com dúvidas sobre o estado do animal, deve recolhê-lo e tentar divulgar para tentar encontrar a sua família.

Como se aproximar do animal?

Caso se trate de um cão, é muito importante tentar colocar uma trela no animal para evitar que este consiga fugir. Este trabalho pode tornar-se mais simples quando o cão aparenta ser calmo e amigável. Por outro lado, caso se trate de um gato é importante tentar arranjar uma transportadora para alojar o animal. É provável que não tenha consigo nem uma trela nem uma transportadora, contudo deve tentar contactar um familiar ou um amigo que lhe possa fornecer estes objetos essenciais.

É claro que existem alguns animais que facilmente seriam transportados ao colo, mas é importante que sejam controlados para não conseguirem fugir. Também é muito importante ser cuidadoso ao tratar do animal porque pode facilmente ser mordido se não tiver os cuidados necessários. 

Verifique a identificação do animal

Muitos animais possuem uma placa com o contato dos donos e, por esse motivo, a sua tarefa torna-se mais fácil.

Publicidade

Tente contactar os donos e explicar o sucedido. Se perceber que não existe nenhuma placa com o contacto telefônico dos donos, analise a sua coleira verificando se os contatos desejados não estão ai escondidos. Por último, deve dirigir-se a uma clínica veterinária para perceber se o animal tem algum microchip que contenha a sua identificação. Mas não se preocupe porque este processo é gratuito em qualquer clínica veterinária.

Recolha e trate do animal

É muito importante tentar perceber se algum morador ou comerciante da rua onde encontrou o animal já o conhece. Se ninguém conhecer o animal encontrado, tente transportá-lo para a sua casa ou, se não tiver possibilidades, tente entregar o animal numa clínica veterinária enquanto procura informações sobre a sua família.

Caso consiga alojar o animal temporariamente em sua casa, é importante conseguir alimentá-lo corretamente. Em primeiro lugar é essencial o fornecimento de água ao animal. Depois deve-se tentar comprar ração adequada para o animal em questão.

Publicidade

Procure a sua família

Em primeiro lugar deve consultar a base de dados de animais perdidos para tentar encontrar semelhanças com o animal encontrado. Caso não encontre qualquer semelhança com os animais dados como desaparecidos, tente criar vários folhetos com a fotografia do animal e o seu contacto telefónico e distribuí-los no local onde o encontrou. Contate novamente os moradores e comerciantes das redondezas do local para certificar-se que ninguém conhece a história do animal. Tente também entregar folhetos nas clínicas veterinárias e em locais que poderão ser facilmente associados para quem perdeu o animal.

E se não encontrar a sua família?

Se não tiver possibilidades de adotar o animal encontrado, deve tentar encontrar um novo lar que seja acolhedor e que tenha boas condições. É importante divulgar e tentar contactar amigos ou familiares que possam ter interesse em adotar o animal. Mas o mais importante é não abandonar o animal por não ter meios de o sustentar. Existe sempre uma solução, mas nunca o abandono.   

  #Cães #Gatos