Temos uma ótima notícia para quem costuma ficar vermelho diante de qualquer acontecimento, seja elogio ou situações constrangedoras. Muitas vezes, as pessoas acham que isso é coisa de gente extremamente tímida ou “boba”, mas avisamos que isso se tornou uma grande virtude nas pessoas e pode favorecê-las em alguns casos.

Estudiosos decidiram pesquisar esse assunto a fundo e publicaram os resultados no Journal of Personality and Social Psychology. Lá foi explicado que pessoas com essa característica são de extrema confiança e também generosas, você deve estar se perguntando qual seria a lógica, não é mesmo?

A explicação é que quando alguém fica constrangido com algo que aconteça naturalmente, é sinal de dignidade.

Publicidade
Publicidade

Matthew Feinberg, que estuda psicologia na Universidade da Califórnia, também se dedicou ao estudo e conta quais foram as conclusões que o estudo obteve.

Matthew relata que o constrangimento ponderado, que surge naturalmente, acaba sendo a assinatura emocional daquela pessoa em que podemos confiar, tornando-se extremamente positivo para quem carrega, tanto na sua vida amorosa, como também em sua vida profissional. Elas também transmitem maior cooperação com seus colegas e fidelidade em qualquer relacionamento. “Nossos dados mostram claramente que isso é uma coisa muito positiva na personalidade, e é algo que não devemos lutar para evitar”, explica o estudante de doutorado de psicologia.

O estudo explica que existe uma grande diferença do constrangimento natural e da vergonha exagerada que envolve a fobia social ou também da vergonha por um erro moral e social que tenhamos praticado.

Publicidade

Esse estudo envolve somente o constrangimento natural, que está ligado diretamente com pessoas que estão com a sua consciência tranquila, aquelas que não têm nenhum motivo para se envergonhar de algo que fizeram de errado. Os gestos que a pessoa demostra também pode lhe entregar, pois são totalmente diferentes: De acordo com os estudiosos, pessoas que cometeram algo de errado, costumam cobrir todo o rosto enquanto se expressam, as pessoas que agem naturalmente, costumam manter o olhar para baixo, virado para um lado e, muitas vezes, cobrindo o rosto enquanto sorri ou faz alguma careta.

Para chegar a essas conclusões, foram reunidos 60 estudantes universitários que foram acompanhados em momentos embaraçosos, como julgamentos errados e também flatulência em público. As atitudes que mais causaram constrangimento foram: confundir uma gordinha com uma grávida e também uma pessoa mal arrumada com mendigo. Todos os depoimentos que os estudantes prestaram, foram classificados com base no nível de vergonha que cada um expressou.

Publicidade

Eles também passaram por testes usando o “Jogo do Ditador” que, muitas vezes, é utilizado para revelar o nível de altruísmo em pacientes.  Cada estudante ganhou 10 fichas de rifa, depois disso foi solicitado que eles guardassem um tanto e dividisse o resto com outro estudante. Com isso, foi possível chegar à conclusão de que as pessoas que apresentaram maiores níveis de vergonha foram mais generosas e doaram uma maior quantidade de ficha para o colega que escolheram, expressando mais bondade. #Dicas #Comportamento