Sienna Duffield tem apenas três anos de idade e foi diagnosticada com um vírus que a estava "comendo viva". Veja aqui mais dessa história.

O que aconteceu?

Em outubro de 2015, Sienna beijou um parente que estava com aftas, começando todo o transtorno para a criança e para a #Família. No começo de 2016, a pequena foi diagnosticada com o vírus da #Herpes, que foi transmitido durante o beijo e gerou um machucado terrível.

Savina French-Bell tem 21 anos e é mãe de Sienna. Ela precisou lavar todos os lençóis da menina, além de precisar jogar fora as roupas que sempre estavam com manchas de sangue e pus por conta das feridas desenvolvidas após o contágio.

Publicidade
Publicidade

Tudo só piorava: os machucados começaram a coçar muito e foram piorando porque a pele de criança é mais sensível que a de adulto.

Em outubro de 2015, Sienna precisou ser internada porque a doença piorou muito: ela parou de comer e precisou tomar soro durante a internação.

Palavras da mãe de Sienna

Savina conta que sua filha estava sendo comida viva por conta da doença. Tudo começou quando pequenas úlceras apareceram no rosto da menina, depois seu rosto parecia que havia sido queimado por ácido de tão terrível que estava a infecção cutânea. Todo o rosto, a boca, as bochechas e até mesmo os olhos estavam tomados pela ferida.

Então, os oito meses seguintes foram horríveis, já que nenhum antibiótico funcionava e a doença só piorava. Savina fala que todos os cremes foram usados, mas nada resolvia.

Publicidade

"Era muito cansativo", conta.

Esta mãe ainda fala que as pessoas encaravam a menina e faziam comentários maldosos, piorando toda a situação para a filha.

Primeiro Sienna foi medicada com flucloxacilina, mas os médicos desconfiaram que poderia ser eczema. Então, os especialistas explicaram que ela tinha alguma alergia e precisava ser mantida longe de animais e de alimentos com laticínios. Mas nada resolvia e por meses tudo piorava.

Até que o diagnóstico correto foi feito e a menina foi tratada. Os médicos disseram que conforme Sienna cresça, ela estará mais forte e evitará infecções. #mae.tips