Melyssa Delgado Braga, de São Paulo, ainda está se recuperando da cirurgia que removeu um tumor de quase dois quilos e meio do seu rosto. Ela tem apenas 3 anos de idade e já passou pela cirurgia que salvou sua vida, feita por uma equipe de médicos norte-americanos, que foram movidos por apelos do pais da menina nas redes sociais.

O tumor era benigno, porém, muito raro e agressivo, chamado de mixoma, que vinha afastando o queixo da menina, deslocando sua língua e tornando o processo de comer e respirar muito difícil.

Depois de descobrir que nenhum médico brasileiro poderia ajudar a sua filha, os pais fizeram uma campanha, colocando um vídeo no YouTube, onde pediam ajuda aos médicos americanos.

Publicidade
Publicidade

A campanha chamou a atenção do Dr. Celso Palmieri Jr., que é de São Paulo, mas estava trabalhando como professor assistente de cirurgia oral e maxilo-facial da Universidade Estadual de Louisiana. Ele enviou o pedido para seu colega especialista em casos como esse, Dr. Ge Ghali, que disse que ele poderia ajudar.

"Ela não podia nem levantar a cabeça, o tumor era tão grande. Ela mal conseguia engolir e ela estava começando a ter problemas respiratórios", relatou Ghali.

A família então juntou dinheiro e conseguiu ajuda de muitas pessoas que quiseram contribuir no valor das passagens de avião para os EUA, mas não tinha nenhuma esperança de pagar por uma operação deste tipo, que pode custar até 400.000 mil dólares. Mas o Dr.Ghali e uma equipe médica concordaram em doar seu tempo para o procedimento.

Publicidade

Emoção

Durante a operação que durou 8 horas, os médicos removeram o tumor e reconstruíram queixo, boca e língua da #criança. Quando os pais de Melyssa a viram pela primeira vez após a cirurgia, ambos começaram a chorar. Melyssa ainda vai precisar de mais cirurgias reconstrutivas, em poucos anos, mas, de acordo com o Dr. Ghali, a parte pior já passou.

"Eu realmente agradeço a todos por tudo o que vocês fizeram. Estávamos esperando por a tanto tempo e em um mês tudo se resolveu.", declarou o pai de Melyssa emocionado. #superação #História