O último #surto de febre amarela vivenciado pelos brasileiros foi em 2003, com 64 casos confirmados.

O surto voltou e o país conta com 70 casos confirmados da doença e 40 mortes.

Os casos mais concentrados da doença estão no estado de Minas Gerais. Porém, a doença se alastrou também pelos estados de São Paulo, Bahia e Espírito Santo. Ao todo, 60 cidades já marcaram casos suspeitos de febre amarela.

Com o número altíssimo de casos, o Ministério da #Saúde tomou medidas. Foram cerca de 11,5 milhões de doses da vacina distribuídas proporcionalmente aos estados com mais casos da doença.

Minas Gerais pede atenção, tendo em vista que apenas 50% da população do estado está vacinada contra a doença.

Publicidade
Publicidade

Já em São Paulo, cerca de 80% da população já garantiu a vacina, contudo, o coordenador de Controle de Doenças da Secretaria de Saúde de São Paulo, Marcos Boulos, diz que é necessário 95% da população vacinada em áreas de surto.

A vacina poderá ser tomada nos postos de vacinação de cada cidade.

O que é a febre amarela?

A febre amarela é transmitida por mosquitos tanto nas florestas quanto nas áreas urbanas. No meio urbano, o responsável pela doença é o Aedes aegypti, o mesmo mosquito responsável pela dengue.

A pessoa que nunca contraiu a doença ou não tomou a vacina está vulnerável à doença que é contraída pela picada do mosquito.

Sintomas

A doença se manifesta por enjoos, febre, dor muscular, dor de cabeça, cansaço, náuseas ou vômitos por cerca de três dias. Em casos mais graves da doença, pode-se ter insuficiência hepática e renal, olhos e pele amarelados, hemorragias e cansaço intenso.

Publicidade

Formas de prevenção

As formas de prevenção individuais são:

  • Vacinação contra o vírus da doença;
  • Uso de repelentes;
  • Mosqueteiros nas janelas.

As formas de prevenção contra o mosquito são:

  • Não deixar recipientes com água parada (como vasos de plantas, pneus, potes, tanques, etc);
  • Troque a água do seu cachorro várias vezes ao dia e lave a vasilha.

Importante lembrar que os mosquitos se reproduzem na água parada, então é imensamente importante tomar tais cuidados. #Febreamarela