Embora muitos homens sofram de problemas no sistema reprodutor, sendo vítimas da #Impotência Sexual, disfunção erétil e ejaculação precoce, grande parte deles não assume o problema e prefere escondê-lo ao procurar tratamento.

De acordo com o presidente da Sociedade Colombiana de Urologia, doutor Hernan Alonso Aponte, alguns fatores do dia a dia podem colaborar para uma vida mais saudável e evitar muitos problemas no âmbito sexual.

Confira algumas dicas dadas pelo especialista.

Consuma alimentos saudáveis: evite comidas rápidas, frituras e excesso de carboidratos. A gordura dos alimentos colabora diretamente para o envelhecimento, além de causar outros problemas de saúde.

Publicidade
Publicidade

Ao se alimentar, dê preferência às saladas, legumes e frutos do mar.

Evite o estresse: sentimentos de medo e ansiedade são incompatíveis com a concentração e o prazer sexual. Sempre que for ter um momento íntimo com seu(sua) parceiro(a), procure deixar os problemas de lado e se concentre totalmente no momento.

Pratique atividades físicas: exercícios físicos são essenciais para uma melhor vida sexual. Homens sedentários são mais propensos a desenvolver impotência sexual e problemas no sistema reprodutor. De acordo com o doutor Hernan Alonso, 30% dos pacientes com problemas de disfunção erétil, melhoram seu quadro a partir do momento em que começam a praticar atividade física. Segundo o especialista, é recomendável praticar exercícios pelo menos 3 vezes por semana.

Abandone o cigarro: a nicotina e as substâncias embutidas no cigarro fazem dele é um dos maiores inimigos da saúde de homens e mulheres ao redor do mundo.

Publicidade

No caso da saúde sexual dos homens, fumar causa espasmos na artéria do pênis, altera o armazenamento de sangue e provoca liberação de substâncias que relaxam o órgão sexual impedindo que haja a ereção.

Busque ter ereções frequentes: a frequência nas ereções colabora para a não oxigenação do sangue no sistema reprodutor, fazendo com que haja uma nítida melhora durante a atividade sexual, refletindo também na qualidade de vida. #Saúde Sexual do Homem #Evitar disfunção erétil