Lidar com qualquer tipo de #Doença exige uma força que vai além daquilo que se imagina. Quando se trata da doença de outra pessoa, portanto, os cuidados com a própria saúde emocional devem ser maiores, e a força exigida aumenta.

Estar perto de alguém com algum distúrbio psíquico, cobra da pessoa um sentimento que ultrapasse barreiras, e esteja disposto a crescer e a permanecer firme. Pegar a dor do outro e transferir para si, é algo impossível, teoricamente dizendo, mas segurar o fardo do emocional é inevitável. Para dar conta de segurar esse fardo, é necessário saber onde está pisando, e ter certeza de que o terreno é seguro.

Publicidade
Publicidade

Por mais amedrontador que seja.

É preciso ser totalmente seguro de si, ter os pés no chão e manter a, independente de qual ela seja. Ter a certeza de que quer fazer isso, e que segurar a barra de cuidar de alguém que não está em sua melhor forma emocional é uma tarefa árdua, que precisa ser feita com amor. Só com amor.

Qualquer um que tenha vivenciado isso entende melhor do que ninguém o verdadeiro significado do amor. Deixar as coisas se resolverem sozinhas é bem mais simples do que passar pelo sufoco de dedicar parte da sua vida para ajudar alguém que precisa. Mas fazer isso é abrir mão de um sentimento maior.

Aceitar é o primeiro ponto. Entender o que se passa, dedilhando calmamente todos os detalhes, como se fossem cordas delicadas de um instrumento complicado de se tocar... Estudar, aprender, se dedicar.

Publicidade

Saber que lidar com tudo isso pode tomar parte de seu tempo, e principalmente, do seu emocional.

Ver a pessoa estimada passar por tudo que a doença introduz de forma intensa, é a tarefa mais difícil. Se tratando de algo ligado ao psíquico, é mais complicado ainda. Não conseguir saber a dimensão da dor, do trauma... Tudo isso é somado ao drama de ter sido tragicamente diagnosticado com algo que poderia habitar em qualquer outra pessoa. Todas as complicações fazem um buraco negro na mente e no coração, perturba e incomoda.

Olhar para o lado e ver os dias se passando, as luzes se acendendo a apagando, e aquela doença acompanhando a sua vida e a vida de quem está com ela... Não há como não sentir na própria pele a "injustiça" cometida pelo universo ao castigar aquele que está passando por tudo isso... Será injustiça?

A vida só coloca situações complicadas para quem tem a capacidade de lidar com elas. Para quem tem a força necessária e a vontade de adquirir cada vez mais tudo que for necessário para superar. Empecilhos acontecem com todo mundo, mas são poucos os que batalham para seguir em frente.

Como eu disse antes, lida com qualquer tipo de doença exige uma força que vai além daquilo que se imagina. O impacto das palavras se torna maior, e o cuidado com elas também. É preciosa a maneira que as coisas são colocadas na vida de cada um.

Viva sua doença, ou a doença da pessoa querida, com todas as peculiaridades dela. Mas viva. #superação #psicologia