Essa mulher britânica da foto é Adrienne Osun. Há cerca de quatro semanas ela fez uma postagem onde mostra o "antes e depois" de seu corpo em seu Instagram, que hoje tem cerca de 30 mil seguidores. Trata-se de uma mulher que se esforçou, malhou e conseguiu emagrecer. Entretanto, o que gerou audiência na foto foi outro motivo. A mulher diz que toda a transformação a fez perder menos de 1 kg. Como é possível?

A mulher é mãe de quatro filhos e mostra o que chamou de recomposição corporal. Ela aparece nas fotos completamente diferente e praticamente sem mexer nos ponteiros da balança. Visivelmente nas fotos, pode-se notar um corpo muito mais magro e definido.

Publicidade
Publicidade

Já na legenda das fotos ela revela o segredo: perdeu gordura e ganhou músculos após muita ginástica e musculação. E relembra: balança não mede gordura e sim somente o peso.

Cíntia Cercato, que é diretora do Departamento de Obesidade de uma importante instituição, confirma que altura e peso, par cálculo do IMC, servem para a média de pessoas, mas existem casos importantes, como o dessa mulher, que a recomposição do corpo a fez ganhar #massa magra e manter o IMC. Hoje ela é muito mais saudável com o mesmo índice. Cíntia ainda ressalta que o correto é sempre avaliar a proporção de massa magra e #massa gorda do organismo.

O professor de educação física de uma academia de São Paulo, André Trombini, quantificou em um exemplo a perda da moça. "1 kg de gordura equivale, por exemplo, a palma da sua mão. Já 1 kg de músculos, a apenas um dedo", disse. Isso demonstra facilmente que o volume corporal de um corpo forte é muito menor que um corpo com mais massa gorda.

Publicidade

E como saber ?

De uma maneira científica, seria necessário fazer uma avaliação biométrica do corpo. Essa avaliação confirma sua proporção de músculos, gordura e ossos, realizando um diagnóstico bem preciso.

Entretanto, em casa também é possível acompanhar, não só pela balança, sua mudança corporal. O principal são as medidas! Circunferência abdominal é a mais importante. Se você está malhando pernas ou braços, também pode acompanhar as medidas de circunferência dos membros para verificar o ganho de músculos.

No entanto, finaliza o educador físico, André Trombini, que "o importante é manter-se em movimento". E não precisa esperar a academia abrir. Ao ar livre também vale, seja uma caminhada, alongamento ou qualquer outra atividade.

Confira a foto: #Emagrecimento